23/05/2024 19:56:17

Educação
05/04/2024 10:00:00

IBGE: analfabetismo atinge 9,3 milhões de pessoas com 15 anos ou mais

Dados foram divulgados na Pnad Contínua divulgada nesta sexta-feira (22); nesse total, homens são a maioria


IBGE: analfabetismo atinge 9,3 milhões de pessoas com 15 anos ou mais

ultimosegundo.ig.com.br

A taxa de anafalbetismo no Brasil entre pessoas de 15 anos ou mais era de 5,4% em 2023, o equivalente a 9,3 milhões de pessoas. Os dados fazem parte dos  resultados da Pnad Contínua a respeito da educação brasileira, divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta sexta-feira (22). 

O índice mostra a dificuldade do governo federal em alcançar as metas estipuladas para o Plano Nacional de Educação (PNE), que encerrará o período da última edição neste ano. Segundo o plano, lançado em 2014, todas as pessoas de 15 anos ou mais deveriam estar alfabetizadas em 2024, zerando essa taxa e extinguindo esse problema. 

Dados por região e sexo

Fazendo um recorte de gênero nos dados desse grupo analisado, é possível perceber que o analfetismo é um problema que atinge 4,7 milhões de homens e  4,5 milhões de mulheres. 

A região nordeste aparece como a que possui a maior quantidade de pessoas nesse situação. São 5,1 mihões de analfabetos, sendo 2,7 milhões homens e 2,3 mulheres. 

Em segundo lugar está o sudeste,  com 2,1 milhões de pessoas com essa defasagem. Na região, o número de mulheres analfabetas supera o de homens na mesma condição. Elas são 1,1 milhão entre a população local, enquanto os homens represesentam outros 945 mil. 

Nas posições seguintes, estão as regiões norte, sul e centro-oeste. Assim como o sudeste, o sul também possui mais mulheres analfabetas do que homens. São 395 mil para 303 mil do gênero masculino.

Recorte por cor ou raça

A pesquisa também mostrou como as pessoas avaliadas se autodeclaravam (brancas, pardas ou pretas). Analisando o total, é possível ver que entre  9,3 milhões de pessoas analfabetas em todo o país, 3,2% delas são brancas e 7,1% pardas ou pretas. 

O número de pessoas pardas ou pretas nesse grupo supera o de brancos em todas as cinco regiões. Analisando esse recorte, a região nordeste também aparece em primeiro lugar, seguida pelo norte, centro-oeste, sudeste e sul. 



Enquete
Se a Eleição municipal fosse agora em quem você votaria para prefeito de União dos Palmares?
Total de votos: 65
Notícias Agora
Google News