19/07/2024 22:11:23

Violência
11/02/2024 03:00:00

Polícia registra quatro casos de violência contra a mulher em 24h

Em um dos casos, homem estava extremamente agressivo e tentou pegar arma do militar que atendeu a ocorrência


Polícia registra quatro casos de violência contra a mulher em 24h

O Centro Integrado de Segurança Pública (Cisp) registrou quatro casos de violência contra a mulher em 24 horas, na capital alagoana e na Região Metropolitana. Em um deles, o homem estava trancado dentro do apartamento com a vítima e, com a chegada da guarnição, apresentou comportamento extremamente agressivo, tentando, inclusive, pegar a arma de um dos militares, que acabou sendo agredido.

O fato aconteceu no bairro Petrópolis, na parte alta de Maceió. Ao ser acionada para a ocorrência, a polícia se deparou com o interior do apartamento revirado e a vítima nervosa e amedrontada, apresentando hematomas e escoriações pelo corpo e roto. O agressor, um homem de 22 anos, se negou a colocar as mãos na cabeça após ordem dos militares e tentou tomar uma espingarda calibre 12, com munição não letal, que estava com um dos policiais. O homem ainda desferiu um soco no rosto do PM e tentou se trancar no aparamento, sendo impedido.

Para conter o agressor, a polícia precisou fazer uso do elastômero, disparando três vezes contra o mesmo. Duas balas de borracha atingiram o tórax do suspeito, que acabou sendo contido com o uso de algemas e levado para Central de Flagrantes, onde foi autuado por lesão corporal praticada contra a mulher, resistência e consumo pessoal de drogas, tendo em vista que foram apreendidos no apartamento uma quantidade de maconha e comprimidos de Rouphinol.

Antes de ser autuado, o homem precisou ser levado à UPA da Chã da Jaqueira para receber atendimento médico em razão das lesões provocadas pelos disparos de elastômero. Já o policial agredido passou por exame pericial no Instituto Médico Legal (IML).

Mais casos

Outros três suspeitos de agredir mulheres também foram presos nas últimas 24 horas, conforme o Ciosp. Os casos aconteceram na Cidade Universitária, em Maceió, na Masagueira, em Marechal Deodoro, e na Mata do Rolo, em Rio Largo.

No caso de Marechal, a mulher foi agredida com um copo pelo companheiro, durante um bloquinho de Carnaval. Ele estaria com ciúmes e teria feito ameaças de agredi-la mais quando chegassem em casa.

GazetaWeb



Enquete
De 0 a 05 classifique o que você acha da Verde a Concessionária de Água e Esgotos em União dos Palmares
Total de votos: 21
Notícias Agora
Google News