05/03/2024 01:06:12

Acidente
03/02/2024 14:00:00

São José do Rio Preto, no interior de SP, enfrenta epidemia de chikungunya


São José do Rio Preto, no interior de SP, enfrenta epidemia de chikungunya

O município de São José do Rio Preto, no Interior de São Paulo, enfrenta, há um mês, uma epidemia de chikungunya. Só em janeiro, foram confirmados 115 casos da doença – mesmo número registrado em todo o ano passado.

A moradora Silvana lembra dos momentos de aflição após a filha de 16 anos apresentar sintomas da doença, depois de voltar de uma viagem de férias. Ela ainda reclama da demora do diagnóstico.

“Começou o tratamento de virose, no dia seguinte, o quadro piorou. Disseram que ela estava com infecção alimentar. Chegou um ponto em que ela sentia tantas dores nos dedos da mão, no pé, no corpo, né? E vômito… ela não conseguia nem tomar banho sem eu acompanhar ela”, relata a mãe.

A chikungunya é transmitida pelo mesmo mosquito causador da dengue, o Aedes aegypti. Os sintomas também são similares: febre, dor de cabeça, nos olhos e nas articulações, que costumam ser intensas e podem persistir por alguns meses.

“Sendo dengue ou chikungunya, tem que ter a notificação, para nós desencadearmos as ações, mas, principalmente, ela precisa iniciar uma hidratação prescrita pelo médico”, explica a gerente de Vigilância Epidemiológica de São José do Rio Preto, Andreia Negri.

O Ministério da Saúde recebeu 14.958 notificações de chikungunya só em 2024. Ao menos 3 pessoas morreram e outros 12 óbitos são investigados. No ano passado, foram 154.800 casos e 106 mortes confirmadas.

Agora Notícias Brasil



Enquete
Se fosse fosse gestor, o que você faria em União dos Palmares: um campo de futebol ou a barragem do rio para que não falte agua na cidade?
Total de votos: 62
Notícias Agora
Google News