Em breve: Agência Tribuna União de Notícias

30/12/2016 09:42:55 Alagoas | Economia Alagoas

Municípios alagoanos recebem hoje mais de R$ 100 milhões da repatriação




Hoje deve ser depositado nas contas dos municípios alagoanos, referentes à multa da repatriação de recursos do exterior, R$ 100.347.503,00. Ao menos foi o que a Secretaria do Tesouro Nacional (STN) informou na última quarta-feira (28). Maceió é a cidade que recebe o maior volume de recursos: R$ 22.321.360,90. O menor valor a ser pago é R$ 385.978,46, para municípios como São Brás.

Além do dinheiro proveniente da multa da repatriação, as cidades alagoanas também receberão recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). Somadas as duas fontes, Maceió receberá R$ 27.901.701,12, e São Brás R$ 482.473,08. O total dos 102 municípios de Alagoas é de R$ 125.434.378,75.

Arapiraca é o segundo município com maior volume de recursos a receber, com R$ 4.561.575,37 somente de repatriação e R$ 1.140.393,84 de Fundeb, totalizando R$ 5.701.969,21.

Para Marcelo Beltrão (PRB), prefeito de Jequiá da Praia e presidente da Associação dos Municípios Alagoanos (AMA), o ideal era que os recursos da repatriação chegassem aos municípios há mais tempo e eles são suficientes para sanar as contas das prefeituras.

“Esses recursos ajudaram aos municípios a gerar superávit em relação ao ano anterior e mesmo sendo depositado somente amanhã [hoje], já ganratiu os restos a pagar”, comenta Beltrão.

A priori, os municípios iriam receber esses recursos apenas em 2017, mas a Medida Provisória (MP) 753/2016, que disciplina a repatriação dos recursos, foi alterada para garantir os pagamentos ainda neste ano

Entretanto, caso ocorra uma “zebra” e os recursos da repatriação não sejam transferidos para as contas das prefeituras, os gestores estão protegidos porque a Medida Provisória (MP) 753/2016 determinou os pagamentos ainda neste ano.

“Numa situação assim, que não deve ocorrer, os municípios estão cobertos pela MP, porque a despesa foi realizada em 2016 e com dinheiro já disponibilizado”, explica Marcelo Beltrão.

Gestores podem ter contas rejeitadas

 O Ministério Público de Contas (MPC) recomenda que os municípios alagoanos utilizem os recursos da repatriação nas áreas com vinculação constitucional: saúde e educação; e pagamento de salários.

“Os membros do MPC querem que os gestores o destinem a essas áreas prioritárias e, não, para despesas de festejos de fim de ano, por exemplo. Caso a recomendação ou o alerta não sejam cumpridos, essas autoridades poderão ter suas contas julgadas irregulares”, diz texto divulgado pela assessoria de comunicação da instituição.

Ainda de acordo com a assessoria de comunicação do MPC, as instituições congêneres do Amazonas, Ceará, Distrito Federal, Mato Grosso do Sul, Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Sul e Rondônia também se manifestaram sobre o uso dos recursos na áreas prioritárias.

“Roraima e Rio Grande do Norte estão em vias de editar representações e recomendações em sentido semelhante. No Maranhão, o Ministério Público Estadual emitiu Nota Técnica, no mesmo sentido”, diz o MPC de Alagoas.

No Distrito Federal, além da recomendação do MPC, o Sindicato dos Médicos protocolou representação junto ao Tribunal de Contas para garantir o uso desses recursos para o pagamento de adicionais, gratificações e horas-extra em atraso, cujo valor ultrapassa R$ 11 milhões.

O Ministério Público Estadual de Alagoas (MPE-AL), ainda em novembro, também informou que irá fiscalizar o uso dos recursos da repatriação.

Prefeito diz que depósito no último dia não atrapalha pagamentos

Para Pedro Henrique Pereira, prefeito do município de Teotônio Vilela, o depósito da repatriação no último dia útil do ano não vai afetar os pagamentos do município.

A cidade de Teotônio Vilela recebe R$ 1.286.594,85 referentes à repatriação de recursos, somados ao dinheiro do Fundeb, o município terá deposita em sua conta o valor de R$ 1.608.243,57.

Segundo o prefeito Pedro Henrique, através da Secretaria de Comunicação (Secom) do município, tudo já está programado para a efetuação dos pagamentos.

“Estou deixando tudo programado. Os pagamentos já no sistema desde hoje [ontem] e caso o dinheiro não entre, tudo já está empenhando para que o próximo gestor possa efetuar os pagamentos de um ano para o outro. Nossos fornecedores vão receber tudo programado o que lhes é devido”, garante Pedro Henrique.

Segundo o portal da transparência de Teotônio Vilela, o município arrecadou em 2016 R$ 135.905.127,45. Portanto, o volume de recursos da repatriação equivale a 1% do que a cidade arrecadou em 2016.

Mais dois municípios receberão os mesmos valores que Teotônio Vilela. São eles: Atalaia e Santana do Ipanema.

RENAN FILHO

Durante o anúncio de recursos para ajudar no combate à seca em Alagoas feito pelo presidente Michel Temer (PMDB), no último dia 27, o governador Renan Filho (PMDB) enalteceu o recebimento de recursos da repatriação pelos municípios.

Ele se lembrou do período em que foi prefeito de Murici. “Já fui prefeito e de cidade pequena, com menos de 30 mil habitantes. A União não costumava a repassar valores de repatriação e multas aos municípios”, ressaltou.

Com os recursos que o estado vai receber, Renan Filho garante eles servirão para manter os investimentos iniciados desde janeiro de 2015, quando tomou posso como governador de Alagoas.

Executivo deve receber mais de R$ 200 mi

O Governo de Alagoas deve receber mais de R$ 200 milhões, valor cerca de 10% menor do que foi divulgado no início de novembro deste ano. O total arrecadado no país com a repatriação de recursos no exterior, em torno de R$ 4,449 bilhões, tem de ser dividido com estados e municípios. Segundo as regras estabelecidas, os estados ficam com 21,5% da arrecadação do Imposto de Renda (IR) e os municípios com 23,5%. Metade do total é oriundo das multas, com valor igual ao IR. Tribuna Hoje //

 

 


NOTÍCIAS RELACIONADAS


Acusados são presos em operação policial
30/12/2016 09:31:52 Alagoas | Polícia Alagoas
Operações resultam na prisão de 6 pessoas e na apreensão de 25 armas em Alagoas

A cúpula da Segurança Pública apresentou, durante entrevista coletiva na tarde desta quinta-feira (29) o resultado de três operações desencadeadas nessa quarta-feira (28) onde foram apreendidas 25 armas e presas 6 pessoas. Dois adolescentes tam...



Foto Ilustrativa
25/12/2016 04:20:22 Alagoas | Alagoas
Centenas de crianças e idosos passam noite de Natal em abrigos em Alagoas

A esperança no olhar desolado de crianças e idosos que estão abrigados no município de Maceió renasce nos dias que antecedem a chegada do Natal. Muitos deles, abandonados pela família encontram em pessoas desconhecidas o sentido da palavra soli...



Foto Ilustrativa
25/12/2016 04:01:00 Alagoas | Rio Largo
Jovem leva três tiros durante tentativa de roubo de motocicleta em Rio Largo

Um jovem de 27 anos foi baleado na madrugada deste sábado (24), na cidade de Rio Largo, durante uma tentativa de assalto. É da vítima a versão de que dois homens teriam participado da tentativa de latrocínio (roubo seguido de morte). Eduardo Sa...



Cabo Reginaldo Vieira
25/12/2016 03:59:36 Alagoas | Piranhas
Policial militar tenta conter tumulto e é atingido por disparos da própria arma

Um policial militar ficou ferido, na madrugada deste sábado (24), ao tentar apartar pessoas envolvidas numa confusão registrada no Clube Pajuçara, na cidade de Piranhas, Sertão alagoano.  Segundo informação do 9º Batalhão de Policial Mi...



24/02/2017
Visitas: 64534351
Visitas De Hoje: 13873


ENQUETE

Se a eleição fosse hoje qual seria seu candidato a governador?
Total de votos: 356


Tribuna União 2007 - 2017
© Copyrigth - atribunadeuniao@gmail.com