Em breve: Agência Tribuna União de Notícias

14/12/2016 16:13:11 Especiais | Especiais

Russos e indianos usam veneno de naja para prevenir e tratar câncer




Um grupo de pesquisadores da Universidade Nacional de Ciência e Tecnologia – MISiS (Moscou), juntamente com colegas da Universidade indiana de Tezupra, criou um preparado à base de alfa-neurotoxinas, extraídas do veneno de naja, e nanopartículas semicondutoras.

O medicamento será capaz de localizar e demarcar áreas afetadas por tumores cancerígenos no organismo, comunicou a assessoria de imprensa da universidade russa. O diagnostico prévio e autêntico de doenças oncológicas recebe atenção importante entre as pesquisas biomédicas. Para uma retirada eficiente de tumores malignos, os médicos devem saber os limites da área operada.

Os especialistas da MISiS realizaram o preparo do medicamento, enquanto os pesquisadores indianos estudaram as características biológicas da conexão híbrida (conjugado) de duas moléculas, possuidoras de características diferentes: moléculas alfa-neurotoxinas, extraídas do veneno de najas tailandesas, e nanopartículas fluorescentes quânticas semicondutoras de seleneto de cádmio (os chamados pontos quânticos). Estes conjugados podem ser utilizados na realização de diagnóstico de novas formações oncológicas.

Para visualização do tumor, os cientistas resolveram utilizar a característica única das toxinas — interação seletiva com um "marcador" definitivo da doença. Segundo os pesquisadores, as moléculas alfa-neurotoxinas atacam os receptores colinérgicos nicotínicos, produzidos em enorme quantidade pelas células de tumor cancerígeno (por exemplo, o câncer de pulmão ou câncer de mama). Em um organismo saudável, os receptores colinérgicos participam da transmissão de impulso nervoso.

O gancho da "neurotoxina com o ponto quântico" percorre toda a corrente sanguínea até chegar ao órgão afetado, marcando toda a zona infectada pelo tumor com a fluorescência das nanopartículas. Tal iluminação é percebida somente em radiação ultravioleta.

Segundo o comunicado, este preparado é mais eficiente do que os análogos criados anteriormente. Além disso, ele pode ser usado como um remédio terapêutico caso seja adicionada composição de remédio à molécula do conjugado. Atualmente, o grupo de cientistas está se preparando para o próximo passo: as pesquisas pré-clínicas. Com informações do Sputnik Brasil.


NOTÍCIAS RELACIONADAS


Foto Ilustrativa
30/12/2016 20:03:46 Especiais | Especiais
Cortadores de cana terão direito a seguro-desemprego

A Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público da Câmara dos Deputados aprovou o Projeto de Lei 1582/15, do deputado Jarbas Vasconcelos (PMDB-PE), que garante o pagamento de seguro-desemprego para os trabalhadores rurais que atuam n...



Ilustração
30/12/2016 19:57:08 Especiais | Especiais
Interminável: 2016 terá um segundo a mais

Quem está ansioso para que o ano termine logo vai ter de esperar mais um pouco. O ano de 2016 terá um segundo a mais que 2015. Na virada do ano, entre meia noite de 31 de dezembro e 1º de janeiro, relógios de todo o mundo vão parar por...



Tumba em que Jesus teria sido sepultado
25/12/2016 15:32:32 Especiais | Especiais
Tumba em que Jesus foi sepultado é aberta pela primeira vez desde 1555

A câmara em que o corpo de Jesus Cristo teria sido colocado após a crucificação segundo a tradição cristã foi aberta por pesquisadores pela primeira vez desde 1555 para trabalhos de restauração.   O local sagrado fica n...



Nostradamus
23/12/2016 11:21:06 Especiais | Especiais
Dez trágicas profecias de Nostradamus para o ano 2017

2016 está lentamente chegando ao fim e muitas pessoas já estão ansiosas com relação ao que trará 2017. Em 2016 tiveram lugar acontecimentos para todo o mundo. Um dos eventos mais importantes da segunda década deste ano foi, sem dúvidas, a ele...



20/02/2017
Visitas: 64427136
Visitas De Hoje: 30899


ENQUETE

Se a eleição fosse hoje qual seria seu candidato a governador?
Total de votos: 307


Tribuna União 2007 - 2017
© Copyrigth - atribunadeuniao@gmail.com