26/10/2021 07:56:00

Governo
01/09/2021 13:00:00

"Nova" obra no antigo Alagoinhas é anunciada, com inauguração para janeiro de 2022; veja como será


Em vídeo divulgado nesta terça-feira (31), nas redes sociais, o secretário de Estado da Infraestrutura, Maurício Quintella, anunciou mudanças no projeto do antigo Alagoinhas, na orla de Ponta Verde, em Maceió. As alterações começam inclusive no nome da obra, que deixa de ser Marco Referencial e passa a ser “Marco dos Corais”.

Quintella explicou que quando a construção foi retomada, em setembro do ano passado, após um período paralisada, recebeu várias críticas “pertinentes” acerca do equipamento, considerado poluído visualmente e de alto custo de manutenção. 

Após análise e, a pedido do trade turístico da capital, as mudanças foram feitas. “Recebemos uma doação da FIEA de um novo projeto, mais simples, sem poluição visual, que não será um elefante branco”, contou.

Segundo o gestor a nova obra custará cerca de R$ 10 milhões, menos da metade dos R$ 22 milhões que seriam investidos na construção do Marco Referencial.

“O Marco dos Corais será construído com recursos próprios do governo estadual e será uma referência no turismo de Alagoas e do Nordeste”, prosseguiu Quintella, anunciando a previsão de inauguração do empreendimento até janeiro do próximo ano.

Em outro vídeo divulgado em suas redes, o secretário mostra como ficará o Marco dos Corais, o “novo cartão postal de Maceió”.

Marco Referencial

Em junho do ano passado, o governo do Estado anunciou a retomada das obras do então Marco Referencial, afirmando que elas seriam concluídas no começo deste ano, com recursos oriundos do Governo Federal e contrapartida do Governo do Estado.

Ainda conforme divulgado em 2020, o Marco Referencial estava orçado em R$ 9,3 milhões e a Seinfra já havia executado 40% da construção. 

https://www.cadaminuto.com.br/ 



Enquete
Você concorda com a mudança da feira livre de União dos Palmares para a margem da BR-104?
Total de votos: 343
Google News