24/11/2020 14:06:31

Geral
19/11/2020 09:00:00

Neabi da Ufal completa 40 anos e celebra o Dia da Consciência Negra

Núcleo comemora as duas datas, dia 19, com webinário sobre saberes e práticas afirmativas


Neabi da Ufal completa 40 anos e celebra o Dia da Consciência Negra

Com o tema 40 anos de aquilombamento, saberes e práticas afirmativas, o Núcleo de Estudos Afro-brasileiros e Indígenas (Neabi), o mais antigo do Brasil, promove webinário em comemoração ao Dia Nacional da Consciência Negra, celebrado em 20 de novembro, e à data de seu aniversário de quatro décadas. O evento será realizado na quinta-feira (19), das 9h às 22h, com transmissão pelo canal Prograd-UFAL no Youtube

As inscrições estão abertas e podem ser feitas por formulário eletrônico. “Vocês estão convidados para celebrar conosco, com muita alegria e orgulho, esta ancestralidade acadêmica, suas quatro décadas de aquilombamento científico, num evento on-line com a participação de educadores e artistas”, disse Rosa Correia, diretora do Neabi. 

O núcleo foi criado em 1980 durante a Semana Zumbi, realizada na Casa Jorge de Lima, em União dos Palmares, como parte das ações do Projeto Memorial Zumbi: Parque Histórico Nacional, que, segundo Rosa Correia, conduziu estudos e pesquisas sobre a Serra da Barriga para que alcançasse o título de patrimônio nacional. “Visando, portanto, celebrar a história das pessoas e ações que fizeram o Ceab e o Neab e, hoje, fazem o Neabi, que propomos este dia de debates e comemorações”, destacou a diretora.

Conheça a programação

9h - Mesa de abertura
Josealdo Tonholo - reitor da Ufal
Rosa Lucia Correia – diretora do Neabi da Ufal 
Andrea Giordanna – vice-diretora do Neabi da Ufal 
ANU
Anajô - Centro de Cultura e Estudos Étnicos 

9h20 - Conferência de Abertura
Neabi Ufal: um aquilombamento científico e seus saberes, com Severino Lepê Correia (CNAB e PPGEDU/UFPE)

9h50 - Canto das três raças 
Artista: Isabela Barbosa

10h - 1ª Mesa-redonda 
Movimentos negros e indígenas nas universidades: relatos de experiência de resistências e avanços

Expositores: 

Amaro Leite (Neabi-Ifal)
Larissa Lopes (ANU-Ufal)
Vanusa Souza (Ichica-Ufal)
Fabson Calixto (PPGE-Ufal)

Coordenação: 

Ester Viegas (Igdema-Ufal)
Andréa Giordanna (Neabi-Ufal)

14h - 2ª Mesa-redonda 
Biografias e Lutas Afirmativas

Expositores:

Lígia Ferreira (ex-diretora Neabi-Ufal)
Clara Suassuna (ex-diretora Neab-Ufal)
Clébio Correia (Neabi-Uneal)
Fátima Viana (Neabi-Ifal- Instituto Federal de Alagoas)

Coordenação: 

Jusciney Carvalho (Cedu-Ufal)
Israel Silva (ANU)

16h

Homenagem ao Neabi - Canto à resistência
Artista: Naná Martins

16h10 - 3ª Mesa-redonda
Memória da Resistência Negra: 40 anos de Neabi e da luta para fazer Palmares de novo

Expositores: 

 Zezito de Araujo (ex-diretor do Neab/Ufal)
 Lourdes Lima (ex-diretora do Neab/Ufal)
 Angela Bahia (ex-diretora do Neab/Ufal)
 Ubirajara Oliveira (servidor Neab/Ufal)

Coordenação: 

Moisés Santana (Proex/UFRPE)
Rosa Correia (Neabi-Ufal)

18h - Ação cultural afirmativa: A luta e a resistência dos artistas alagoanos
Artistas: Naty Barros, Manu Preta, Igbonan Rocha e Edu Passos

Mediação: 

Luila de Paula (Anajô)
Regla Masshud (Neabi-Ufal)

20h -4ª Mesa-redonda
Arte, Cultura, Educação e Religião: dimensões do legado étnico-racial alagoano

Expositores: 

Helcias Pereira (Anajô)
Jeferson Silva (Ineg/AL)
Gilberto Ferreira (Seduc) 
Pai Célio (Casa de Iemanjá) 

Coordenação:  

Vagner Bijagó (Neabi/Ufal)
Gustavo Gomes (Artista)

22h - Encerramento: Canto à negritude
Artista: Gustavo Gomes



Enquete
Você acha que as eleições de 2020 foram fraudadas no Brasil?
Total de votos: 5
Google News