28/10/2020 23:16:24

Economia
20/09/2020 06:00:00

No Nordeste, AL aderiu menos à linha de crédito emergencial, diz Ministério

Segundo o MDR, até a última semana, mais de R$ 2 bilhões foram contratados


No Nordeste, AL aderiu menos à linha de crédito emergencial, diz Ministério

Alagoas foi o estado nordestino que menos aderiu à linha de crédito emergencial para reduzir impacto econômico com a Covid-19. É o que aponta o Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), que revela ainda que a região Nordeste teve mais recursos federais disponíveis para enfrentamento da pandemia do novo coronavírus, cerca de R$ 3 bilhões, e a que mais captou, R$ 1,69 bilhão concedidos a comerciantes e empresários. Um montante de cerca de 56% do total disponibilizado pelo governo federal.

Por meio do Fundos Constitucionais de Financiamento Emergencial, foram realizadas 47,2 mil operações de crédito desde abril deste ano. Alagoas recebeu o repasse de R$ 78,2 milhões, com 2,1 mil financiamentos. 

Segundo o MDR, até a última semana, mais de R$ 2 bilhões em linhas de crédito contra a covid-19 foram contratados por pequenos comerciantes do Norte, Nordeste e Centro-Oeste. Os recursos emergenciais têm o objetivo de reduzir os impactos econômicos causados pela pandemia. 

No total, desde abril, foram disponibilizados R$ 6 bilhões pelo Governo Federal para as três regiões. Os recursos são administrados pelo MDR e concedidos pelos bancos do Nordeste, da Amazônia e do Brasil.

Por meio do FNE Emergencial, foram realizadas 47,2 mil operações de crédito desde abril deste ano. Na Bahia, onde ocorreu o maior volume de repasse, foram 7.142 captações, com o valor de R$ 319,1 milhões. Já no Ceará, foram acessados R$ 281,1 milhões (10,5 mil contratações) e, em Pernambuco, foram R$ 235,2 milhões em 4.936 acordos.

Os maranhenses contrataram R$ 142,6 milhões em 2.952 captações. Na Paraíba, foram R$ 136 milhões (2.610 contratos). Na sequência, aparecem Piauí, com 139,5 milhões (5.824 acordos); Rio Grande do Norte, com R$ 127,2 milhões (2.273 contratos); Sergipe, com R$ 90,1 milhões (4.358 operações financeiras); e Alagoas, com R$ 78,2 milhões (2.132 financiamentos).

Gazetaqweb



Enquete
Você é favorável a privatização do SAAE de União dos Palmares?
Total de votos: 101
Google News