14/08/2020 01:58:41

Educação
01/08/2020 18:00:00

Saúde emocional ganha espaço na grade de alunos no ensino médio

Em Brasília, jovens batem papo com psicólogos sobre anseios e angústias devido à pandemia


Saúde emocional ganha espaço na grade de alunos no ensino médio

De acordo com a pesquisa “Juventudes e a Pandemia do Coronavírus” realizada pelo Conjuve (Conselho Nacional da Juventude), cerca de 49% dos jovens que planejam fazer o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio), já pensaram em desistir. Esse sentimento vem da dificuldade de estudar em casa e também do equilíbrio emocional que o isolamento social e a pandemia estão exigindo. A pesquisa ouviu 33 mil participantes.

O assunto tem tamanha importância, que em Brasília, alunos do ensino médio contam com a semana de acolhimento emocional. Durante o fim de julho, as turmas dos três anos terão momentos para conversar com psicólogos sobre saúde emocional.

A orientadora pedagógica do Colégio Marista Asa Sul, de Brasília, Denise Pereira Lima, explica que a ação surgiu de uma demanda dos próprios alunos.

“A partir da escuta com lideranças estudantis e respostas de pesquisas aplicadas, decidimos abrir esta semana de espaço para diálogos e escuta qualificada de psicólogos parceiros”, comenta.

Durante a semana, cada turma teve uma aula substituída pelo momento com o psicólogo para debater angústias, incertezas e ansiedades. “O objetivo é acolher as demandas emocionais dos nossos estudantes. Por isso o espaço está dentro da grade horária dos alunos”, revela.

Além disso, os jovens do ensino médio também contam com a tutoria de profissionais que os orientam e os apoiam nos estudos, para que os seus objetivos sejam alcançados mesmo durante as aulas remotas.

Correio Braziliense



Enquete
Qual o candidato de sua preferência para a Prefeitura de União dos Palmares?
Total de votos: 9598
Google News