14/08/2020 22:13:49

Economia
19/06/2020 11:00:00

AL fecha uma empresa por hora no 1º quadrimestre, diz Ministério da Economia

Desempenho de Alagoas é o pior do Brasil se considerado apenas os resultados relacionados às Empresa Individuais de Responsabilidade Limitada (Eireli)


AL fecha uma empresa por hora no 1º quadrimestre, diz Ministério da Economia

A cada hora dos primeiros quatro meses de 2020, em média, uma empresa fechou as portas em Alagoas. Ao todo, segundo os dados do Ministério da Economia, foram 3.163 empreendimentos fechados no estado. Com isso, Alagoas conta atualmente com 167.088 empresas ativas. Este é o 8º pior número do Brasil e o terceiro do Nordeste, perdendo apenas para Piauí e Sergipe na região.

Estes dados foram compilados e divulgados, nesta quinta-feira (18), pelo governo federal, no Boletim do Mapa de Empresas. O documento ressalta que o desempenho de Alagoas é o pior do Brasil se considerado apenas os resultados relacionados às Empresa Individuais de Responsabilidade Limitada (Eireli).

 

Com 261 empreendimentos destes abertos no primeiro quadrimestre de 2020, o estado demonstrou a maior queda percentual entre os estados. A redução foi de 47,6% em relação ao 3º quadrimestre de 2019 e de 28,7% em relação ao 1º quadrimestre de 2019.

Em todo o País, de janeiro a abril, foram abertas 1.038.030 empresas, o que representa aumento de 1,2% em relação ao último quadrimestre de 2019 e queda de 1,1% quando comparado com o primeiro quadrimestre de 2019.

No mesmo período, foram fechadas 351.181 empresas, queda de 6,6% no quantitativo de empresas fechadas se comparado com o último quadrimestre de 2019 e recuo de 12% em relação ao mesmo período no ano anterior. Com esses resultados, o saldo positivo ficou em 686.849 empresas abertas, recorde na série histórica iniciada em 2010. O número total de empresas ativas chegou a 18.466.444.

ESTADOS

São Paulo é o estado com o maior número de empresas no Brasil, com 5,2 milhões, sendo 295 mil abertas no primeiro quadrimestre de 2020. Em seguida aparecem Minas Gerais, com quase 2 milhões de empresas, 115 mil abertas no 1º quadrimestre; e o Rio de Janeiro, com 1,7 milhão, das quais 101 mil foram abertas no período.

O estado de Mato Grosso foi o que apresentou o maior crescimento percentual de empresas abertas no primeiro quadrimestre de 2020, com aumento de 19,1% em relação ao último quadrimestre de 2019 e 5,8% quando comparado com o primeiro quadrimestre de 2019. 

Por outro lado, o estado de Pernambuco registrou a maior queda: 10,9% em relação ao último quadrimestre de 2019 e queda de 2,1% em relação ao primeiro quadrimestre de 2019. O estado de São Paulo registrou o maior número de empresas fechadas: 97 mil empresas.

Gazetaweb



Enquete
Qual o candidato de sua preferência para a Prefeitura de União dos Palmares?
Total de votos: 9620
Google News