10/08/2020 19:34:40

Economia
18/06/2020 18:00:00

Terceira parcela do auxílio emergencial é paga a beneficiários do Bolsa Família

Ainda não há data, contudo, para o pagamento dos R$ 600 para os demais beneficiários do programa


Terceira parcela do auxílio emergencial é paga a beneficiários do Bolsa Família

A terceira parcela do auxílio emergencial começa a ser paga, nesta quarta-feira (17/6), para os integrantes do Bolsa Família. Ainda não há data, contudo, para o pagamento dos R$ 600 para os demais beneficiários do programa.

O pagamento dos R$ 600 para os integrantes do Bolsa Família começa nesta quarta-feira e vai até o próximo dia 30 nas agências da Caixa Econômica Federal. O governo não alterou as datas de pagamento do Bolsa Família em função do auxílio emergencial.

Quem é do Bolsa Família deve, portanto, procurar a Caixa no dia em que já costuma receber o benefício. Se tiver direito aos R$ 600, receberá o auxílio emergencial. Se não se encaixar nos critérios do programa, receberá o benefício tradicional do Bolsa Família.

O calendário de pagamentos é escalonado de acordo com o último número do NIS dos brasileiros. Nesta quarta, receberão os beneficiários cujo NIS termina em 1. Na quinta (18/6), os que o NIS termina em 2. E assim por dian

Segunda parcela

De acordo com o governo, mais de 51 milhões de brasileiros já receberam a segunda parcela do auxílio emergencial e devem receber a terceira parcela dos R$ 600 a partir deste mês. Desses, cerca de 19,2 milhões são do Bolsa Família e receberão o benefício até o dia 30. O restante é do CadÚnico ou pediu a ajuda pelo aplicativo do auxílio emergencial e ainda não sabe quando vai receber a terceira parcela.

Segundo o governo, o calendário de pagamento desse outro grupo do auxílio emergencial deve ser divulgado nos próximos dias. É possível que, assim como aconteceu na segunda parcela, esses trabalhadores recebam primeiro na poupança social da Caixa, que deve ser movimentada pelo aplicativo Caixa Tem, e só depois de alguns dias possam fazer o saque em espécie do benefício. O saque nas agências deve ser liberado só após o pagamento do Bolsa Família. Ou seja, depois de 30 de junho.

Para esses trabalhadores, este deve ser o último pagamento dos R$ 600. O governo de Jair Bolsonaro já avisou que deve prorrogar o auxílio emergencial por cerca de dois meses, mas com um valor inferior, de R$ 300.

Primeira parcela

Ainda nesta quarta-feira, 2,5 milhões de brasileiros vão receber a primeira parcela do auxílio emergencial. São trabalhadores que pediram o benefício em maio e só tiveram o cadastro aprovado na semana passada.

Ao todo, 4,9 milhões de cadastros foram aprovados na última sexta-feira para receber os R$ 600. Desses, 2,4 milhões de brasileiros, que nasceram entre janeiro e junho, receberam o benefício nessa terça-feira. E os demais 2,5 milhões, que nasceram entre julho e dezembro, recebem nesta quarta-feira.

Este pagamento, contudo, será realizado exclusivamente pelo aplicativo Caixa Tem, que permite o pagamento de contas e a realização de compras em débito de forma virtual. O saque em espécie só será liberado para esse grupo entre 6 e 18 de julho, de acordo com o mês de nascimento do trabalhador.

Correio Braziliense



Enquete
Qual o candidato de sua preferência para a Prefeitura de União dos Palmares?
Total de votos: 8494
Google News