29/01/2020 12:31:44

Maceió
06/12/2019 18:00:00

"É necessário que haja reajuste, mas a questão é o tamanho dele", diz SMTT sobre preço de passagem


O superintendente da Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT) , Antônio Moura, disse na manhã desta quinta-feira (05) que “é necessário que se haja reajuste de passagem, mas a questão é o tamanho do reajuste” para que não pese no bolso do consumidor.

Uma reunião entre o Ministério Público Estadual (MPE), SMTT e representantes do transporte público visa chegar a um acordo após uma auditoria que oferece um raio-x de cada empresa para que sejam adotadas medidas cabíveis.

Segundo Moura, não se pode apenas fazer o reajuste sem analisar também os contratos, as obrigações e deveres por parte das empresas e municípios. "Como podemos adequar o reajuste de uma forma que atinja o mínimo possível o bolso do cidadão? O reajuste não leva em conta a questão da tarifa apenas, mas também os contratos".

Antônio disse que o município é parte fundamental no processo e faz a intermediação no pedido de reajuste das empresas. “Estamos fazendo a revisão contratual. São 4 anos de contrato e as empresas – ano a ano – estão questionando outros fatores, como por exemplo, a queda de passageiros. Por isso contratamos uma consultoria isenta para oferecer um diagnóstico", explicou.

O superintendente disse que isso fez com que fosse contratada uma consultoria isenta para fazer o trabalho e traçar um diagnóstico. “Dessa forma podemos analisar um cenário de possível reajuste. É um pedido das empresas por causa do desequilíbrio. Com base no relatório nós podemos chegar juntos a um denominador comum, mas a decisão final cabe a prefeitura”, disse.

A subprocuradora-geral do Ministério Público de Contas, Stella Méro, disse que esse processo começou acompanhando os reajustes, então as empresas todos os anos, além dos reajuste ordinários, pleiteavam um valor a mais em decorrência da perda de passageiros e outros fatores. “Isso se tornou uma coisa corriqueira. Todos os anos, além dos reajustes ordinários, havia um pedido de valor extra e começamos a nos preocupar porque se havia sempre esse pedido é porque o sistema estava em desequilíbrio. Tivemos uma preocupação em fazer um trabalho conjunto para manter o equilíbrio”, finalizou.

Cada Minuto



Enquete
Em quem você votaria hoje para Prefeito de União dos Palmares ?
Total de votos: 1367
Google News