26/01/2020 19:30:41

Educação
26/11/2019 17:00:00

Estudante da rede estadual irá representar Alagoas, nesta semana, como Jovem Senador


Estudante da rede estadual irá representar Alagoas, nesta semana, como Jovem Senador

“Quero representar bem Alagoas e deixar minha marca. Estou muito ansioso e sei que tudo que estou imaginando vai ser ainda melhor”. As palavras de Pedro Henrique Araújo, aluno da 3ª série do ensino médio da Escola Estadual Edite Machado, de Capela, representam bem o misto de alegria, orgulho e responsabilidade que o estudante carrega para representar o estado como Jovem Senador, em Brasília, a partir desta segunda-feira (25).

Pedro e sua professora orientadora, Cremilda Melo, viajaram para a Capital Federal na madrugada deste domingo (24) e, lá, durante toda a semana, o estudante vivenciará a rotina de um senador no Congresso.

Pedro foi o primeiro colocado no Brasil por sua redação “Interpreta-me ou te devoro”, onde faz uma analogia da lenda grega de Édipo e da esfinge (monstro alado que devorava todos os que não decifrassem seus enigmas) e o orçamento público brasileiro, que, de certa, também é um enigma para muitas pessoas.  “Este ano, o tema do Concurso de Redação do Senado foi sobre cidadania e orçamento público, um assunto que muitas pessoas têm dificuldade para entender, inclusive eu. E foi isso que me inspirou para a redação”, conta o jovem.

Apoio – E, para escrever, ele teve todo o apoio da Escola Estadual Edite Machado, começando pela sua professora orientadora, Cremilda Melo. Ela mesma uma veterana do concurso – em 2015, orientou a então Jovem Senadora Arabela Moreira, também do Edite Machado. “A nossa escola tem uma grande tradição neste concurso e todos se mobilizaram. Trabalho com o Jovem Senador desde 2013 e ter um aluno selecionado é um orgulho imenso”, comemora Cremilda que, em Brasília, participará de cursos de formação ao lado de outros professores orientadores.

Mas a mobilização não se limitou à disciplina de língua portuguesa, conforme explica a coordenadora Maria Aparecida Silva.  Segundo ela, os professores de humanas e matemática também estiveram engajados neste processo, dando embasamento teórico sobre o tema aos alunos. “Tivemos ainda várias palestras sobre orçamento público, uma, inclusive, com o presidente da Câmara de Vereadores de Capela. Além disso, realizamos o Dia D de produção textual na escola”, relata Aparecida.

Atuação – Enquanto estiver em Brasília, Pedro terá uma jornada de um senador, formando comissões, elaborando e votando projetos de lei. O seu projeto, por sinal, une segurança pública e direitos humanos, propondo a criação de uma delegação específica para atuar em crimes de homofobia. “As delegacias da Mulher têm uma atuação importante no combate à violência contra o público feminino. Acredito que uma delegacia específica também teria efeito similar no combate à homofobia”, explica Pedro, que, no dia 29, terá o seu projeto votado junto a outras propostas.

Ansioso pela viagem, Pedro recebeu dicas de seus dois antecessores: Arabela Moreira e Jonatha Marcone, ex-alunos do Edite Machado e jovens senadores por Alagoas em 2015 e 2017, respectivamente. “É uma honra estar no mesmo grupo que eles dois. Isso eleva o nome de nossa escola, quero representá-la, assim como o nosso estado, da melhor forma possível”, declara Pedro.

Homenagem – Às vésperas de sua ida a Brasília, na sexta-feira (22), Pedro e a professora Cremilda receberam uma homenagem especial da Escola Edite Machado. Na ocasião, os pais de Pedro, Rosinete e Everaldo, também estavam presentes.

“Ter três alunos nossos escolhidos como jovens senadores por Alagoas é um orgulho imenso para a nossa escola e serve como um estímulo para que outros adolescentes vejam que eles também podem ter essa conquista”, destaca o diretor-geral Rosival Almeida.

O gestor adjunto Ernam Martins ressalta que o sucesso de Pedro é também o sucesso do ensino integral – a unidade implantou a modalidade em 2017. “ A turma de Pedro será a nossa primeira turma formada no ensino integral e a modalidade tem tido uma aceitação muito boa na escola, com uma evasão de menos de 3%”, frisa Ernam.

Representando a Secretaria de Estado da Educação (Seduc) e a 4ª Gerência Regional de Educação (Gere) no evento, o coordenador do Núcleo de Rede da 4ª Gere, Marcelo Francisco da Silva, parabenizou Pedro e a professora Cremilda, destacando também as qualidades da escola. “Cada unidade de ensino tem a sua essência e seu potencial. A Edite Machado é uma escola que brilha em diversas frentes, tanto nos projetos, no esporte e neste concurso, onde tem três alunos escolhidos como representantes alagoanos. Temos muito o que comemorar”, celebra.

Ana Paula Lins

Correio dos Municipios

 
 
 


Enquete
Em quem você votaria hoje para Prefeito de União dos Palmares ?
Total de votos: 680
Google News