11/12/2019 02:46:53

Alagoas
14/11/2019 09:00:00

Embaixada da Venezuela em Brasília é invadida por apoiadores de Juan Guaidó


Embaixada da Venezuela em Brasília é invadida por apoiadores de Juan Guaidó

A embaixada da Venezuela foi invadida na manhã desta quarta-feira por um grupo de simpatizantes de Juan Guaidó, o líder da oposição e autoproclamado presidente do país. A Polícia Militar chegou a ser chamada e utilizou spray de pimenta para conter as cerca de 30 pessoas que estavam do lado de fora da representação diplomática e tentavam derrubar o portão para entrar no local, segundo o jornal Metrópoles.

Freddy Meregote, encarregado de negócios da Embaixada da Venezuela, disparou áudios pedindo ajuda para conter os invasores. "Companheiros, informo que pessoas estranhas às nossas instalações estão entrando [na Embaixada], estão violentando o território venezuelano. Necessitamos de ajuda e uma ativação imediata de todos os movimentos sociais e partidos políticos", afirmou em mensagem,

A Embaixada Venezuelana está sem embaixador desde 2016, quando Nicolás Maduro retirou o representante em protesto contra o impeachment de Dilma Rousseff.

A advogada venezuelana María Teresa Belandria Expósito, nomeada por Guaidó para ser a representante no Brasil, divulgou uma nota informando sua versão dos fatos, na qual ela diz que a entrada dos apoiadores foi pacífica e autorizada pelos funcionários da embaixada. Segundo ela, um grupo de funcionários da embaixada da Venezuela no Brasil entrou em contato para informar que reconheciam Guaidó como presidente. E "voluntariamente" abriram a sede diplomática "à representação legitimamente credenciada no Brasil", o que foi comunicado ao Ministério das Relações Exteriores, em Caracas.

Ao entrar na sede, os funcionários que viviam ali foram notificados da ação e convidados a "participar do trabalho na Embaixada", com todos os direitos trabalhistas garantidos. Também comunicaram sua disposição para mediar junto à autoridades brasileiras, caso decidam não sair do país. Encerrou a nota solicitando que todos os funcionários credenciados na embaixada e nos sete consulados da Venezuela "adotem essa mesma decisão".

El País



Enquete
Você concorda com a redução de horário das delegacias de Alagoas
Total de votos: 43
Google News