20/09/2019 11:04:31

Alagoas
25/08/2019 15:30:00

Protesto na orla alerta para queimadas na Amazônia


Protesto na orla alerta para queimadas na Amazônia
As mobilizações no Brasil e pelo mundo afora para alertar sobre as queimadas na Amazônia também chegaram a Maceió. Dezenas de pessoas ocuparam a orla marítima da capital, na tarde deste sábado (24), para cobrar mais empenho do governo Bolsonaro no combate às queimadas, além de denunciar o desmonte de órgãos federais de fiscalização como o Ibama e o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio).
 
Com faixas e cartazes, o grupo se concentrou na Praça Gogó da Ema, na orla da Ponta Verde, e seguiu em caminhada rumo à Pajuçara gritando palavras de ordem, boa parte delas direcionada ao presidente Jair Bolsonaro.

"Não foi acidente, esta queimada é culpa do presidente", "Bolsonaro sai, a Amazônia fica" e "Olha que vergonha, o Bolsonaro destruindo a Amazônia" foram algumas das frases mais ouvidas, além de estampadas nos cartazes. Alguns manifestantes também entoaram um "Ele Não", que ficou famoso na época da campanha presidencial e usado em protestos contra o então candidato à época Jair Bolsonaro.

Protesto na orla marítima de Maceió alerta para queimadas na Amazônia


"Esse ato surgiu de maneira espontânea, na internet. Aqui em Maceió já tinha uma galera do 'Amazônia na Rua', que reuniu todo mundo e fizemos oficinas para confecção de faixas e cartazes. Conseguimos compartilhar ao máximo nas redes sociais, chamar as pessoas e alertar a população para esse descaso brutal que é a política do governo Bolsonaro, particularmente agora para o meio ambiente, e a prova disso são essas queimadas, o desmatamento", reclama Letícia Araújo, engenheira ambiental e organizadora do 'Amazônia na Rua' em Maceió.
 
Gazetaweb


Enquete
Dos nomes abaixo qual você escolheria votar para Prefeito?
Total de votos: 5496
Google News