20/07/2019 15:06:55

Saúde
08/06/2019 09:30:00

Maioria dos casos de Influenza é de quem reside em Maceió, Arapiraca e em outras 5 cidades

Pelo menos nos casos que foram registrados entre o final do ano passado e o primeiro dia de junho deste ano


Maioria dos casos de Influenza é de quem reside em Maceió, Arapiraca e em outras 5 cidades
Ilustração

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), através da Superintendência de Vigilância em Saúde (Suvisa) e da Gerência de Vigilância e Controle de Doenças Transmissíveis (GEDT), emitiu um novo documento sobre o panorama da Influenza, hoje, em Alagoas. A nota foi divulgada nessa quinta (06). 

Entre os dias 30 de dezembro de 2018 e 1º de junho de 2019, que compreende da 1ª a 22ª Semana Epidemiológica, foram registrados 19 casos de Síndrome Gripal, com 7 apontando para a H1N1, 6 para H3N2 e também 6 para o vírus Influenza B. 

A SG caracteriza-se pela presença de febre de inicio súbito, acompanhada de tosse ou dor de garganta e pelo menos um dos seguintes sintomas: cefaleia, mialgia ou artralgia, na ausência de outro diagnostico especifico

Já a Síndrome Respiratória Aguda Grave, que é um evento de notificação compulsória imediata, a Sesau registrou 77 amostras positivas. Desses casos, 7 pessoas morreram. Em duas delas foi indentificado o vírus respiratório Metapneumo e o Sincicial Respiratório. Nas outras cinco, a causa atestada foi H1N1. 

A maioria desses casos é de população residente em Maceió, com registros também nos municípios de Coruripe, Maravilha, Paulo Jacinto, Igreja Nova, Arapiraca e Rio Largo.

A Campanha Nacional de Vacinação foi prorrogada e em breve chegará ao fim, mas é importante estar atento aos cuidados de ordem pessoal para prevenir a transmissão dos vírus da influenza e de outras doenças respiratórias.

Atenção:

  1. Higienização das mãos com a maior frequência possível;
  2. Higienizar as mãos após tossir ou espirrar;
  3. Utilizar lenço descartável para higiene nasal;
  4. Cobrir nariz e boca quando espirrar ou tossir;
  5. Evitar tocar mucosas de olhos, nariz e boca;
  6. Não compartilhar objetos de uso pessoal, como talheres, pratos, copos ou garrafas;
  7. Manter os ambientes bem ventilados, evitado aglomerações em ambientes fechados;
  8. Evitar contato próximo a pessoas que apresentem sinais ou sintomas de Influenza;
  9. Procurar o serviço de saúde ou a orientação do médico diante dos sinais de gravidade

Diário de Arapíraca



Enquete
Em sua avaliação que nota de 0 a 10 você dá ao Governo Bolsonaro
Total de votos: 194
Google News