20/09/2019 02:31:41

Educação
09/05/2019 12:00:00

Cenas explícitas do que os estudantes realmente fazem na universidade pública


Cenas explícitas do que os estudantes realmente fazem na universidade pública
Ilustração

Foi preciso apenas uma publicação nas redes sociais de estudantes fazendo protesto pelados, no que aparenta ser uma universidade pública, que o estrago estava feito. O tuíte do deputado José Medeiros, vice-líder do Podemos na Câmara, no Dia do Trabalho, tinha como objetivo justificar seu apoio aos cortes de verbas no ensino superior, mas viralizou. "Ministro vamos gastar dinheiro com instituições que quiserem produzir conhecimento, nada de permitir quem não quer estudar fique usando a universidade para 'fusaca", afirmava na publicação.

JOSÉ MEDEIROS ?@JoseMedeirosMT
 

Ministro vamos gastar dinheiro com instituições que quiserem produzir conhecimento, nada de permitir quem não quer estudar fique usando a universidade para “fusaca”.

489 pessoas estão falando sobre isso
 
 

Recebeu defesas apaixonadas. "Exato! Chega de balbúrdia. Universidade é pra quem quer estudar", afirmou uma internauta. "Cultura de pornografia e matemática zero", disse outro. "Isso tem que acabar! O nosso dinheiro está sendo gasto, sem necessidade nenhuma! Qual o retorno para a sociedade que essas pessoas trarão? Eles que vão pagar para fazerem essas coisas! Será que em faculdades particulares os alunos fazem isso? Acho que não!", disse outra.

Pouco importa o contexto das fotos –uma manifestação de cerca de 100 alunos da Universidade de Brasília (UNB), em outubro de 2009, em apoio a então estudante Geisy Arruda, que quase foi expulsa pela Uniban por usar um vestido curto. As imagens foram consideradas provas da "balbúrdia" que tomou conta das universidades. Mas será que é isso mesmo o que se vê no dia a dia da universidade pública.

A jornalista Sabine Righetti propôs um tuitaço com a hastag #oquevinauniversidadepublica, para expor, afinal, o que acontece nas universidades que vivem dos recursos do Estado. Em um momento em que vários protestos contra os cortes e o desmanche da educação estão sendo organizados em várias cidades, inclusive nesta quarta, as respostas de estudantes e professores ajudam a derrubar mitos sobre as universidades públicas no Brasil.

1. Falta de recursos parece ser regra

 


Enquete
Dos nomes abaixo qual você escolheria votar para Prefeito?
Total de votos: 5483
Google News