19/06/2019 20:00:00

Especial
05/05/2019 12:00:00

Estado desenvolve ações educativas sobre violência sexual para alertar alunos


Estado desenvolve ações educativas sobre violência sexual para alertar alunos
Violência contra Menor - Ilustração

Dentro da programação do Maio Laranja, mês alusivo ao enfrentamento do abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes, a Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) vai promover ações de promoção e orientação para os estudantes alagoanos. Para isso, a partir desta segunda-feira (6), unidades de ensino da capital serão visitadas por técnicos da Rede Estadual de Atenção às Vítimas de Violência Sexual (RAVVS), onde serão desenvolvidas atividades educativas para o público infantojuvenil, bem como, repassadas instruções para os educadores.

A primeira escola a receber a ação educativa será a Professor Mário Broad, na Jatiúca. As atividades serão iniciadas às 9h, com uma palestra para os alunos e distribuição de folders, que irão orientar como agir em casos de abuso sexual. Na terça-feira (7), às 9h, será a vez da Escola Estadual Adeilza Maria Oliveira, na Chã da Jaqueira; na quarta-feira (8), às 9h e às 14h, as ações serão promovidas na Escola Estadual Professora Miram Marroquim, no Jacintinho. Na quinta-feira (9), às 9h, as atividades irão ocorrer na Escola Estadual Theonilo Gama, no Jacintinho e, na sexta-feira (10), também às 9h, a Escola Estadual Doutor Fernandes Lima, no São Jorge, será palco da iniciativa educativa.

Ainda durante as ações, haverá a apresentação de vídeos educativos sobre a prevenção de abuso sexual direcionado a cada faixa etária e atividades lúdicas. “Vamos levar alguns kits com ilustrações e frases contra o abuso e a exploração sexual, que serão distribuídos nas unidades de ensino. Numa linguagem simples, também disponibilizaremos audiovisuais, que vão chamar a atenção dos alunos para a autopercepção, autoestima e segurança em relação ao corpo”, destacou Andrea Teodozio, enfermeira da RAVVS.

“Como a maioria dos casos de violência sexual atendidos na Rede são com crianças e adolescentes, nosso objetivo é irmos até essas escolas para gerar uma discussão entre os alunos, levando-os a entender sobre a violência sexual e preparando-os para que estejam mais atentos sobre o assunto. Será uma oportunidade também para que os alunos conversem com os professores, para que, caso o estudante sinta-se confortável em dialogar com ele, o docente identifique a situação e ligue imediatamente para a RAVVS ou para o Conselho Tutelar”, disse a enfermeira.

Essas ações vão se estender durante todo o mês de maio, quando acontece a comemoração do Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, em 18 de maio. Na oportunidade, haverá uma ação educativa no Terminal Rodoviário de Maceió João Paulo II, no bairro Feitosa, onde serão ofertados diversos serviços à população, como teste rápido de HIV e de glicemia.

*Redação Alagoas Alerta com Agência Alagoas 



Enquete
Na Eleição de 2020 em quem você votaria para Vereador de União dos Palmares?
Total de votos: 430
Google News