20/08/2019 17:26:11

Justiça
13/04/2019 07:50:00

Indiciado por participar da morte de alagoana em SP é solto após audiência de custódia


Indiciado por participar da morte de alagoana em SP é solto após audiência de custódia

Após uma audiência de custódia realizada nesta quinta-feira (11), um dos homens indiciados pelo assassinato da alagoana Maria Elitácia dos Santos, 22 anos, morta a tiros na última quarta-feira (10), em Dumont, no interior de São Paulo, foi posto em liberdade.

O suspeito, identificado apenas como “Elias”, foi indiciado pelo crime de feminicídio. Ele teria ajudado o ex-marido da vítima, Ewerton dos Santos Silva, a executar o crime e foi preso, após ser pego em flagrante dirigindo o veículo utilizado por Ewerton.

A informação da soltura de "Elias" foi confirmada pelo agente da Delegacia de Dumont, em São Paulo, Vinício Monteiro.

“O que estava pilotando saiu na audiência de custódia, infelizmente. Eu e os colegas estamos um pouco indignados com a soltura. Não sabemos se ele que conduzia o veículo na hora do crime, mas ele o conduzia no momento que foi preso”, disse o agente.

Ewerton Silva, ex-marido da vítima que aparece em vídeo executando a vítima, continua preso. Ele foi indiciado por feminicídio e porte ilegal de arma de fogo.

Maria Elitácia, era alagoana da cidade de Porto Calvo, ela foi surpreendida pelo suspeito e morta a tiros em via pública.  Uma amiga da vítima, que pediu para não ser identificada, disse que o casal e os quatro filhos, com idades entre um e sete anos, se mudaram para Dumont há dois meses e buscavam emprego. O casamento, no entanto, havia acabado há um mês. A polícia suspeita que o homem tenha agido por não se conformar com o fim do relacionamento. 

O sepultamento de Maria Elitácia está marcado para acontecer neste sábado (13), no cemitério municipal de Porto Calvo.

Cada Minuto



Enquete
Dos nomes abaixo qual você escolheria votar para Prefeito?
Total de votos: 112
Google News