22/07/2019 04:44:23

Saúde
10/04/2019 11:30:00

Ministério da Saúde aponta que casos de chikungunya aumentam mais de 91% em AL

Nos primeiros meses do ano, foram registrados 56 casos; em 2018, no mesmo período, 34 pacientes com a doença foram atendidos


Ministério da Saúde aponta que casos de chikungunya aumentam mais de 91% em AL

O número de casos de chikungunya quase dobrou em Alagoas, de acordo com dados fornecidos pelo Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinan) do Ministério da Saúde. Os números divulgados nesta segunda-feira (8) apontam que já foram registrados 56 casos ao longo dos três meses de 2019. 

Ainda de acordo com o levantamento, só nos três primeiros meses de 2018, unidades hospitalares do estado  registraram um total de 34 casos de chikungunya, enquanto que, entre janeiro e março de 2019, foram atendidos 56 pacientes com a doença, o que representa um aumento de 91,18%. 

O sistema do Ministério da Saúde também divulgou um panorama de casos confirmados de dengue e zika em Alagoas. Entre janeiro e março de 2018, foram registrados 413 casos de dengue e 27 de zika vírus. No mesmo período, em 2019, já foram computados 483 casos de dengue e 18 de Zika. 

Hélvio Auto 

Somente nos dois primeiros meses desse ano, 55 pessoas foram internadas por dengue no Hospital Escola Hélvio Auto, em Maceió, referência para atendimentos de doenças infectocontagiosas. Esse total representa praticamente um terço de todos os casos que deram entrada na unidade de saúde ocorridos em 2018, que teve 164 notificações.

Gazetaweb



Enquete
Em sua avaliação que nota de 0 a 10 você dá ao Governo Bolsonaro
Total de votos: 213
Google News