23/05/2019 23:59:12

Polícia
26/03/2019 07:00:00

Soldado do Exército é preso e adolescente é apreendido com rifle no Barro Duro, em Maceió


Soldado do Exército é preso e adolescente é apreendido com rifle no Barro Duro, em Maceió

Um soldado do 59ª Batalhão de Infantaria Motorizado (BIMtz) foi preso e um adolescente de 17 anos foi apreendido, nesse domingo (24), com um rifle com o número de série raspado, no Conjunto Novo Mundo, no Barro Duro, em Maceió.

Segundo a Polícia Militar, eles também estavam com sete uniformes do Exército, mas se recusaram a dizer de quem eram ou de onde vieram.

Os suspeitos estavam perto de um terminal de ônibus no bairro e jogaram o rifle e quatro cartuchos quando viram a polícia, segundo o relatório do Centro Integrado de Segurança Pública (Ciosp).

O comandante do 59ª BIMtz, tenente-coronel Cláudio Gadelha Fernandes, disse ao G1 que o jovem de 20 anos deve ficar preso no Batalhão à disposição da Justiça. Ele informou ainda que um processo administrativo deve ser aberto para apurar a conduta do militar.

O órgão emitiu uma nota sobre o assunto (confira na íntegra ao final do texto).

O jovem foi autuado por corrupção de menores, associação criminosa, peculato e porte ilegal de arma de fogo. O adolescente deve responder por ato infracional análogo a porte ilegal de arma de fogo de uso restrito.

Confira abaixo a nota do 59ª BIMtz na íntegra:

"A respeito da ocorrência policial envolvendo militar do 59º Batalhão de Infantaria Motorizado (59º BIMtz), em Maceió-Al, o 59º BI Mtz informa que:

1.No dia 24 de março de 2019, o Soldado Edson Lopes da Silva, de 20 anos de idade, lotado no 59º BI Mtz, sediado em Maceió-AL, foi preso por porte ilegal de arma de fogo, quando foi abordado por uma Guarnição da Polícia Militar, portando um Rifle Winchester modelo 1982 Calibre .44, com quatro munições intactas, além de peças de fardamento do Exército.

2. Será instaurado um Processo Administrativo para a apuração de todos os fatos e responsabilidades. O 59 Batalhão de Infantaria Motorizado enaltece a atuação das Forças de Segurança Pública e coloca-se à disposição para colaborar e apoiar as investigações, na busca do esclarecimento das circunstâncias que envolveram a ocorrência policial.

3. O Batalhão não admite atos dessa natureza, que ferem os princípios e valores cultuados pela Força Terrestre.

Maceió-AL, 25 de março de 2019.

Comunicação Social do 59º Batalhão de Infantaria Motorizado"
Já é Notícia


Enquete
Você concorda com a Reforma da Previdência?
Total de votos: 351
Google News