20/06/2019 12:12:29

Esportes
15/03/2019 00:00:00

CRB joga mal, perde para o Náutico e conhece sua 1ª derrota no Nordestão: 2x1

Mesmo com esta derrota, Galo segue na 4ª posição no Grupo A; e o Timbu, que foi superior em campo, pula para a 4ª colocação, na Chave B


CRB joga mal, perde para o Náutico e conhece sua 1ª derrota no Nordestão: 2x1

ão deu. Ainda não foi desta vez que o CRB conquistou uma vitória na Copa do Nordeste 2019. Brigando para conseguir vencer, pois até então só tinha empatado no Nordestão, o Galo levou a pior. Na noite desta quinta-feira (14), pela 7ª rodada, o time regatiano decepcionou ao perder para o Náutico, por 2 a 1, em pleno Rei Pelé, conhecendo, assim, a sua primeira derrota na competição.

O Náutico foi quem abriu o placar, com Odilávio, no primeiro tempo, e Jiménez, no segundo tempo. O Galo diminuiu com Felipe Menezes, na segunda etapa. Detalhe: o CRB não perdia há nove anos para o Timbu, a última derrota tinha sido em 2010, na Série B. 

 

Veja como foi a partida em Tempo Real

Com esta derrota, o CRB permanece em 4º lugar no Grupo A, com cinco pontos. E o Náutico, pulou da 6ª colocação para a 4ª, com 11 pontos, no Grupo B da Copa do Nordeste.

O próximo jogo do Galo pela competição regional será somente no dia 23 deste mês (um sábado), contra o Confiança-SE, às 18 horas, no Batistão, em Aracaju-SE. Mas antes o CRB tem compromisso pelo Campeonato Alagoano, no próximo domingo (17), contra o CEO, no Rei Pelé, pela última rodada da primeira fase da competição.

E o Náutico vai encarar o Altos-PB, também no dia 23 de março, às 18 horas, nos Aflitos. E pelo Pernambucano, o Timbu tem o clássico com o Santa Cruz, no próximo domingo (17), às 16 horas, também nos Aflitos.

O duelo

 

CRB foi surpreendido e não conseguiu superar o Náutico, para quem foi derrotado por 2 a 1, em pleno Rei Pelé

FOTO: AILTON CRUZ

O CRB já começou indo ao ataque no início do primeiro tempo, mas em lance de Ferrugem, Hugo Sanchez não alcançou. O Timbu, que entrou em campo com cinco jogadores da base, parecia atrapalhado e quase entregou o ouro para o Galo, que teve duas grandes arrancadas.

 

Apesar das boas investidas do CRB, quem abriu o placar foi o Náutico, logo aos  6 minutos. Claudinei saiu errado e Odilávio, esperto, roubou a bola, entrou na área e marcou para o Náutico, botando a bola no canto esquerdo do goleiro Edson Mardden: 1 a 0. 

Depois do gol, o Timbu ficou mais tranquilo em campo, mantendo a posse de bola, enquanto o CRB tentava sair do prejuízo e teve oportunidade com Danilinho, que poderia ter empatado a partida. Ele recebeu a bola em profundidade, rabiscou, demorou demais e na hora do chute a bola desviou na zaga do time pernambucano. 

 

Primeiro gol do Náutico foi assinalado por Odilávio, graças a uma tremenda bobeira do volante Claudinei, do Galo

FOTO: AILTON CRUZ

O CRB começou bem o jogo, mas depois que tomou o gol, se enrolou, não conseguia mais jogar e ficou totalmente perdido em campo. Para se ter uma ideia dos erros bobos do CRB, aos 23 minutos, Edson Mardenn saiu errado, Hereda ficou com a bola e tentou o lançamento, mas a bola tomou o caminho das mãos do goleiro regatiano. E depois, aos 25 minutos, Júnior tentou o lançamento para o ataque, mas a redonda ficou fácil para o goleiro Bruno.

 

Aos 28 minutos o Galo chegou. Hugo Sanches levantou a bola bem, na segunda trave, William Barbio cabeceou na pequena área, para baixo, mas não conseguiu fazer o gol. O jogo se aproximava dos 35 minutos da etapa inicial e o CRB seguia nervoso, todo atrapalhando; já o Timbu parecia satisfeito com o gol assinalado.

Aos 38 minutos, o CRB tentou com William Barbio, que arriscou da entrada da grande área, mas mandou por cima do gol de Bruno e a redonda foi em tiro de meta para o Náutico. Aos 40 minutos, o time pernambucano respondeu. Jiménez recebeu fora da área e chutou bem. Edson voou para espalmar o excelente chute do paraguaio. 

 

Hugo Sanches até que tentou no setor de ataque do CRB, mas não encontrou o caminho do gol nem da vitória do seu time

FOTO: AILTON CRUZ

O CRB tentava chegar ao gol de empate. Aos 45 minutos, Felipe Menezes lançou para William Barbio, Hugo Sanches escorou, mas o goleiro Bruno fez um milagre e defendeu. E o time regatiano ainda teve uma última chance no primeiro tempo. Aos 47 minutos, Ferrugem cobrou escanteio no primeiro pau e Camutanga tirou mais uma, livrando o perigo. 

 

O árbitro apitou o final da primeira etapa, aos 47 minutos, um primeiro tempo para ser repensado pelo técnico do CRB, Roberto Fernandes, e seus comandados. E a torcida regatiana, na bronca, vaiou e xingou o time, à descida para os vestiários.

Segundo tempo

Na etapa final, assim como aconteceu no primeiro tempo, veio o segundo gol do Náutico, logo no início, aos 2 minutos de bola rolando. Jiménez arriscou o chute de fora da área, a bola quicou no chão e enganou o goleiro Edson Mardden, morrendo no fundo da rede: 2 a 0. 

 

William Barbio buscou de todas as maneiras fazer o segundo gol do CRB, para ao menos empatar, mas ele não saiu

FOTO: AILTON CRUZ

O CRB tentava fazer o seu gol e, aos 11 minutos, chegou com Danilo Bala, que entrou no segundo tempo. Ele foi ao ataque, chutou de fora da área, mas a bola desviou na zaga do Náutico e foi para fora. Aos 13 minutos, Thiago recebeu um ótimo lançamento de Jiménez na ponta direita, ele chamou Igor para "dançar" e chutou forte, de direita, mas viu Edson Mardden espalmar.

 

O Galo não desistia e aos 17 minutos, o time regatiano diminuiu o placar, com Felipe Menezes. Ele aproveitou o rebote do goleiro Bruno, após boa jogada de Danilo Bala, e marcou para o Galo: 2 a 1. 

O Náutico começou a fazer aquela famosa catimba, quando a partida chegava aos 30 minutos, e ficou muito bem postado. E o CRB, depois do gol que fez, diminuiu o ímpeto que parecia ter surgido, em busca do gol de empate. O técnico Roberto Fernandes, percebendo isso, tirou Júnior, que é lateral, e colocou o atacante Polaco em campo, em busca de empatar o jogo.

Aos 35 minutos, Danilo Bala aproveitou um cruzamento da esquerda, pegou de primeira, sem deixar a bola cair, mas não bateu bem e a redonda bateu na canela, passando ao lado do gol de Bruno. Outra chance perdida pelo Galo. 

O Náutico trocava passes para passar o tempo, mas ainda levou perigo ao gol do CRB. Jiménez fez bela antecipação no campo de ataque, Fábio Matos pegou a sobra e arriscou de longe. A bola quicou e quase complicou a vida de Edson Mardden, que segurou em dois tempos. Livrando o perigo. 

 

Galo buscou o empate até os minutos finais da partida, mas ele não aconteceu , decepcionando a torcida regatiana

FOTO: AILTON CRUZ

Já nos acréscimos, o Regatas ainda tentou. Aos 47 minutos, Mailson disparou em contra-ataque, mas adiantou demais a bola e viu Bruno sair bem. A bola ainda bateu no jogador do CRB e foi para fora, em lance de escanteio. Aos 50 minutos, o Galo ainda tentou o último lance. Após saída de bola errada de Luiz Henrique, Danillo Bala chutou da direita e Bruno espalmou.

 

Final de jogo, aos 51 minutos, encerrado pelo árbitro, e o CRB saiu de campo amargando a sua primeira derrota na Copa do Nordeste. E, novamente, a torcida regatiana vaiou o time e xingou os jogadores.

CRB - Edson Mardden; Júnior (Polaco), Guilherme Mattis, Edson Henrique e Igor; Claudinei, Ferrugem e Felipe Menezes; Hugo Sanches (Danilo Bala), William Barbio e Danilinho (Mailson). Técnico: Roberto Fernandes. 

Náutico - Bruno; Hereda, Camutanga, Sueliton e Josa; Jiménez, Danilo Pires (Fábio Matos) e Luiz Henrique; Robinho, Thiago (Assis) e Odilávio (Jorge Henrique). Técnico: Márcio Goiano.

Árbitro - Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro (CBF-RN).

Auxiliares - Lorival Cândido das Flores (CBF-RN) e Francisco de Assis da Hora (CBF-RN).

Público total - 4.378 torcedores

Renda - R$ 48.111,00

Reforços?

Na noite desta quinta-feira, a informação que surgiu antes do jogo foi de que o CRB deverá anunciar oficialmente as contratações do atacante Gustavo Balotelli, 22 anos, e do volante Patrik, 24 anos, ambos do Juazeirense-BA. Balotelli jogou também em clubes como Ho Chi Minh, do Vietnã, e Roasso Kumamoto e Nagoya Grampus, ambos do Japão, além do Bahia. E Patrik defendeu a camisa do Petrolina-PE. 

Gazetaweb



Enquete
Na Eleição de 2020 em quem você votaria para Vereador de União dos Palmares?
Total de votos: 437
Google News