19/08/2019 16:27:00

Atualidade
10/01/2019 20:00:00

Corte no Sistema S pode fechar 162 escolas e mais de 1 milhão de vagas

Presidente da FIEA, José Carlos Lyra, confia no entendimento das entidades com o governo


Corte no Sistema S pode fechar 162 escolas e mais de 1 milhão de vagas
José Carlos Lyra

A estimativa de corte de mais de 30% dos recursos do sistema S no País tendem a fechar cursos e escolas do Sesi, Sesc e Senai, segundo dados do próprio Serviço Nacional de Aprendizagem industrial.

As entidades entidades do sistema afirmam que de imediato o impacto  do corte proposto pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, atingirá quase 500 mil alunos do ensino básico, além do projeto de educação de jovens e adultos do Sesi.

Meter a faca no sistema como propôs Guedes gerou um clima de apreensão nas entidades que tentam negociar com outros atores do governo Bolsonaro para evitar.

Em Alagoas, o presidente da Federação das Indústrias do Estado, José Carlos Lyra, entende que o corte no sistema traz prejuízos para os projetos de geração de emprego, formação de mão de obra e empreendimentos saudáveis, o que pode afetar a toda cadeia produtiva no País.

No entanto, ele confia na possibilidade de negociação das lideranças do sistema com o governo para que caminhos racionais sejam encontrados e assegurem a continuidade dos relevantes serviços prestados pelo sistema ao País.

éassim



Enquete
Em sua avaliação que nota de 0 a 10 você dá ao Governo Bolsonaro
Total de votos: 525
Google News