18/10/2019 13:05:08

Polícia
26/12/2018 17:30:00

Apenas 4 agentes são responsáveis por mais de mil presos


Apenas 4 agentes são responsáveis por mais de mil presos
Presidio Segurança Máxima em Maceió

Apenas quatro agentes penitenciários são responsáveis por tomar conta de aproximadamente 1200 presos na Penitenciária Masculina de Segurança Máxima, no Complexo Penitenciário de Maceió.

A informação foi divulgada na manhã desta terça-feira, 25, após vistoria realizada pelo Sindicato dos Agentes Penitenciários (Sindapen) na noite de segunda-feira, 24.

Para o vice-presidente do sindicato, Petrônio Lima, a situação é classificada como verdadeiro descaso, tendo em vista o tamanho do local e a quantidade de membros faccionados.

 "Um presídio desse tamanho, com presos faccionados, e hoje o efetivo é de quatro agentes penitenciários, quatro. Lembrando que aqui está reclusa a nata a criminalidade de Alagoas", diz.

Vale lembrar que o presídio possui capacidade para apenas 670 presos distribuídos em quatro módulos com 21 celas com capacidade para 8 custodiados cada e 1 cela para portadores de deficiência, de acordo com o site da Secretaria de Estado de Ressocialização e Inclusão Social.

Para o presidente do Sindapen, Kleyton Anderson, o problema aponta a necessidade de um concurso público de maneira urgente para o aumento do efetivo.

Kleyton lembra ainda a existência de uma decisão judicial que obriga o Estado a realizar um concurso para preenchimento de 550 vagas.

"Em janeiro irá acontecer uma audiência sobre concurso, com participação do Estado de Alagoas e do Ministério Público do Trabalho. Necessitamos que o Estado aumente o efetivo dos presídios para dar maior segurança à sociedade", aponta Kleyton Anderson.

EXTRA entrou em contato com a assessoria de comunicação da Secretaria de Ressocialização e Inclusão Social (Seris), responsável pelo sistema prisional, mas até o fechamento da matéria, a pasta ainda não havia se posicionado sobre o caso.



Enquete
Entre 0 e 5 avalie a atuação do Governo Renan Filho
Total de votos: 763
Google News