23/05/2019 23:59:51

13/03/2009 00:00:00

Polícia


Polícia

O pintor Flávio de Lima Ferreira, 32, foi assassinado no início da manhã de hoje, em um campo, próximo a extensão da escola Alfredo Gaspar de Mendonça, no Conjunto Eustáquio Gomes, no Tabuleiro do Martins. Ele foi executado com vários disparos de arma de fogo, que o atingiram na cabeça e costas. Ele morreu na hora.

Segundo o sargento da Polícia Militar, José Costa, testemunhas relataram que dois homens, ainda não identificados, se aproximaram da vítima e deflagraram os tiros. Flávio de Lima acompanhava sua esposa, identificada apenas como Viviane, ao trabalho quando foi surpreendido pelos assassinos.

Ainda de acordo com testemunhas, após o crime a esposa da vítima teria corrido assustada para a casa de familiares, no Salvador Lyra.

A mãe do pintor, Joelia Araújo Lima, contou que o filho era um homem trabalhador, não tinha inimizades e nem envolvimento com nenhum tipo de crime.

Ela falou ainda, que há cerca de seis meses uma tia de Viviane, identificada como Rosário, teria se desentendido com seu filho e tentado matá-lo. “Tenho suspeitas sim, de quem fez isso com o meu filho", disse ela esclarecendo que Flávio de Lima e a esposa teriam se separado a pouco tempo, mas reataram o relacionamento. "Quando eles se separaram a tia dela fez várias ameaças, inclusive entregou uma faca para um conhecido dela matá-lo”, acusou.

Neste momento a polícia está no local e aguarda a chegada do Instituto de Criminalística (IC) e do Instituto Médico Legal (IML). O crime deve ser investigado pela equipe 10° Distrito Policial.

com alagoasagora// láyra santa rosa

Galeria




Enquete
Você concorda com a Reforma da Previdência?
Total de votos: 351
Google News