21/10/2018 08:07:52

Polícia
28/09/2018 08:03:00

Operação Midas prende 47 envolvidos em crimes em Alagoas


Operação Midas prende 47 envolvidos em crimes em Alagoas
Ilustração

Operação Midas, deflagrada pelo Ministério da Segurança nos estados brasileiros, levou para a cadeia em Alagoas 47 pessoas, sendo 19 por envolvimento em roubos, dois por latrocínio, 25 por crimes como homicídios, tráfico de drogas e receptação e um por desmanche de veículos. Os policiais civis estiveram em treze municípios.

Armas e drogas também foram apreendidas e, nesta quinta-feira (27), policiais civis estouraram desmanche de veículos, segundo informou a assessoria de comunicação da PC de Alagoas.  

 

Os alvos - distribuídos em municípios de várias regiões - são envolvidos principalmente nos crimes de roubo e latrocínio. 

A Operação Midas é a terceira operação coordenada pelo Sistema Único de Segurança Pública (Susp), simultaneamente por policiais civis de 25 estados e do Distrito Federal e contou com a participação de mais de 10 mil policiais, cumpridos 910 mandados de busca e apreensão, 103 veículos recuperados, 160 armas apreendidas e quase 2.500 presos em todo o País. 

Em Alagoas, o coordenador da operação é o delegado Fabrício Nascimento, por indicação do delegado-geral Paulo Cerqueira.

De acordo com o delegado Fabrício Nascimento, que coordena o trabalho no Estado, durante a ação, que mobilizou cerca de 250 policiais civis, culminou com a prisão de 47 pessoas. Em Arapiraca, um desmanche foi estourado, uma pessoa presa e 25 carros e três motos recuperados. 

As prisões aconteceram nas cidades de Maceió, Paripueira, São Luís do Quitunde, Matriz do Camaragibe, Porto Calvo, Arapiraca,Teotônio Vilela, São Miguel dos Campos, Anadia, Taquarana, Palmeira dos Índios, Delmiro Gouveia e Santana do Ipanema.

O delegado-geral da PC alagoana, Paulo Cerqueira, explica que Midas é terceira operação realizada a partir de uma parceria com as polícias estaduais e coordenada pelo Ministério da Segurança, no âmbito do Sistema Único de Segurança Pública (Susp). Ela é realizada simultaneamente por polícias civis do Distrito Federal e 25 estados, inclusive Alagoas, e conta com a participação de 8.128 policiais civis em todo o país.



Enquete
Você acha que passada a eleição o governo vai dar sequencia as obras iniciadas no período de campanha?
Total de votos: 117
Google News