22/09/2018 20:21:53

Geral
08/03/2018 07:50:16

Câmara se articula para reaver direito sobre valor da passagem de ônibus


Câmara se articula para reaver direito sobre valor da passagem de ônibus

Após se reunir com representantes do Sindicato dos Trabalhadores do Transporte Rodoviário do Estado de Alagoas (Sinttro), a Câmara de Vereadores se articula para reaver o direito de decidir sobre o aumento da passagem. Durante sessão ordinária realizada na tarde dessa quarta-feira (07), vários parlamentares se declararam favoráveis à medida e fizeram duras críticas aos empresários do ramo.

O assunto começou a ser debatido depois que a vereadora Silvania Barbosa (PRB) anunciou que iria protocolar na Casa novo Projeto de Lei (PL) para aumentar o número de câmeras de segurança dentro dos coletivos. A ideia surgiu depois da reunião com o Sindicato. O grupo relatou à edil que as câmeras já implantadas têm qualidade de pixel deficiente e foram fixadas em ângulos voltados somente para o motorista e o cobrador.

“Quando apresentei projeto aprovado nessa Casa que trata da adesão de Wi-Fi nos ônibus urbanos, algumas pessoas questionaram que a exposição do celular poderia aumentar os roubos nos coletivos. Isso não é uma deficiência do projeto, é um problema de segurança pública e deve ser tratado com o secretário da pasta. A população não pode sofrer o ônus. O mesmo serve para esse novo projeto.  As atuais câmeras deveriam ajudar na identificação dos assaltantes, mas como os empresários não querem investir em segurança, a população é penalizada novamente”, declarou a vereadora.

Enquanto Barbosa usava a tribuna, alguns vereadores pediram apartes e cobraram desfecho sobre outros projetos, como o da retirada da catraca alta, o da implantação de ar condicionado e o da inclusão do botão do pânico, todos relacionados ao transporte público e vetados pelo Executivo. Os vereadores solicitaram da presidência da Casa que os PLs fossem colocados em pauta para derrubada ou manutenção do veto.

Como os coletivos e a qualidade do serviço prestado pelo setor foram a pauta do dia, a vereadora, então, apresentou e protocolou Projeto de Lei para a Câmara de Vereadores de Maceió reaver o direito de decidir sobre o valor da passagem.

Em seus discursos, os vereadores disseram entender que pertence à Câmara essa definição sobre o valor da tarifa e que a decisão final precisa ser discutida com a população em audiências públicas. “O aumento da passagem só pode ser aprovado com participação ativa da sociedade”, disse o vereador José Márcio Filho (PSDB).

 Ascom Silvania Barbosa



Enquete
O que você pretende do Presidente da República e dos Governadores eleitos agora em outubro?
Total de votos: 99
Google News