21/10/2019 05:20:48

01/06/2007 00:00:00

Polícia


Polícia

Equipes da Polícia Civil dos estados do Rio de Janeiro, Alagoas, Ceará, Bahia, Pernambuco e Sergipe, deflagaram, nesta sexta-feira, a Operação Carro Fantasma, que resultou na prisão de 26 pessoas suspeitas de participar de uma quadrilha que aplicava golpes de venda de carros pela internet.

De acordo com investigações da Polícia, realizadas desde o ano passado, a quadrilha é chefiada por três baianos, que estavam em Maceió. Roberto Evangelista, conhecido como Quinho; Marionaldo Pessoa de Sousa e Cláudio da Silva Freitas, foram presos ontem na quinta-feira, em dois apartamentos de luxo e um hotel.

Quadrilha

A Operação Carro Fantasma começou em dezembro de 2006, em Miracema - Rio de Janeiro. No ano passado, a Polícia Civil de Alagoas entrou no caso e descobriu a atuação dos criminosos no Estado.

A quadrilha utilizava nomes de empresas idôneas, como MC Veículos, Evel Veículos, Prismel Veículos e Grande Rio Veículos (as últimas de Maceió), com a finalidade de passar segurança aos compradores. Os interessados entravam em contato com os golpistas e depositavam parte do dinheiro para a compra do veículo em uma conta. Eles recebiam um contrato e depois depositavam o restante do dinheiro, mas nunca recebiam o veículo.

As investigações mostram que a quadrilha ganhava cerca de R$ 50 mil semanais e fez vítimas até no exterior.

Operação

Ao todo, foram expedidos 46 mandados de prisão, mas apenas 26 foram presos. Foram 19 pessoas no Rio de Janeiro, três em Maceió, duas em Fortaleza, uma em Aracajú e uma no Recife.

No fim da tarde, ao mesmo tempo em que a operação foi divulgada à imprensa alagoana, os presos estavam no gabinete da Segurança Pública da Bahia, sendo apresentados à imprensa.

Fonte - www.alagoas24horas.com.br



Enquete
Você é conta ou favorável ao Concurso Público da Prefeitura de União dos Palmares?
Total de votos: 14
Google News