22/10/2019 10:45:01

31/05/2007 00:00:00

Política


Política

O presidente do PDT em Alagoas e ex-governador do Estado, Ronaldo Lessa, foi empossado nesta quarta-feira, em Brasília, no cargo de secretário-executivo do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE). No mesmo ato, também tomou posse o ex-secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, Arnóbio Cavalcante.

Em seu discurso Lessa destacou a importância de fazer parte do ministério e disse estar satisfeito em poder continuar contribuindo com a luta do trabalhador brasileiro. “Esta é uma grande possibilidade de tornar o sonho da inclusão social em realidade. Estou aqui para somar com esta equipe forte e capaz de fazer desse ministério um exemplo de administração social", revelou acrescentando que sua tarefa está dividida em duas questões: dar seqüência às determinações do presidente Lula e as orientações do ministro Carlos Luppi.

Ainda em sua fala o ex-governador destacou as cinco metas estabelecidas pelo MTE: qualificação do trabalhador; intensificar o combate ao trabalho escravo e infantil; garantir à política de gênero e igualdade racial; micro-crédito por meio do programa federal Economia Solidária e a valorização do servidor do ministério.

O ministro Carlos Luppi reforçou sua relação de amizade e companheirismo com Ronaldo Lessa e disse que, como qualquer ser humano, tinha suas limitações "por isso trouxe um companheiro como o Lessa, que é inteligente, administrador, muito bem preparado e que chegou para somar no Ministério".

Lupi também deixou claro que o PDT está no ministério para defender e qualificar o trabalhador brasileiro, aproveitando o bom momento econômico pelo qual passa o Brasil. Também tomaram posse no Ministério do Trabalho e Emprego, Corintho Campelo da Paz (Assessoramento), Arnóbio Cavalcante (Planejamento e Finanças) e José Ribamar Teixeira (chefia de gabinete).

Compareceram a posse de Lessa, o ministro Carlos Luppi, o senador Cristóvão Buarque (PDT-DF), os deputados federais Givaldo Carimbão (PSB), Maurício Quintella (PR) e Cristiano Matheus (PMDB), a prefeita de Feliz Deserto, Rosiana Beltrão (PMDB) e o presidente da Federação das Indústrias de Alagoas (Fiea), José Carlos Lyra.

Apoio ao governo Lula

A participação do PDT no governo Lula foi decidida em janeiro deste ano, após deliberação do seu diretório nacional, que votou favorável ao convite do petista para integrar a denominada coalizão partidária.

Na ocasião, foi indicado o nome do presidente nacional da legenda, Carlos Luppi, para assumir o comando do Ministério do Trabalho, fatia destinada por Lula aos pedetistas, embora tenha sido cogitada a possibilidade de outros nomes serem indicados para o MTE, a exemplo do próprio Lessa.

A escolha do nome de Lessa para o cargo de secretário-executivo do MTE foi uma iniciativa do próprio Luppi. "Muitas vezes é preciso corrigir passos e refazer conceitos. Estou pronto para ajudar o meu partido e contribuir efetivamente com o governo do presidente Lula e com o Brasil" prometeu Lessa.

Lessa já foi deputado estadual, vereador e prefeito por Maceió, consultor do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e duas vezes governador de Alagoas.

Fonte: Assessoria



Enquete
Você é conta ou favorável ao Concurso Público da Prefeitura de União dos Palmares?
Total de votos: 32
Google News