26/10/2021 08:28:57

30/05/2007 00:00:00

Esporte


Esporte

O torcedor regatiano conseguiu vibrar do começo ao fim, algo que ainda não tinha feito, pois no primeiro jogo no Rei Pelé, diante do Fotaleza, o time praiano atuou bem, mas acabou derrotado por 2 x 1.

Na noite desta terça-feira, diante da Ponte Preta, o técnico Alexandre Barroso promoveu três mudanças e o time respondeu. Com a vitória por 2 x 1, o Galo quebrou o tabu de ainda não ter vencido a ‘Macaca’ no Rei Pelé e melhorou na tabela de classificação.

O gol que valeu os três pontos aos CRB foi marcado aos 28min do primeiro tempo. O atacante e artilheiro do time, Marcinho, começou jogada no campo de defesa e lançou para Wanderson, que dominou e chutou forte; o goleiro Dênis rebateu e Marcinho apenas escorou para fazer CRB 1 x 0.

Com a vitória o CRB subiu para 9º, com os mesmos seis pontos do Santa Cruz, 4º colocado, mas que ainda não jogou. Já a ‘Macaca’, com sete pontos, caiu para segundo.

O Jogo

Quando a bola rolou foi a Ponte preta que partiu na ofensiva e, logo aos 5min, Pingo fez boa jogada pela esquerda e levantou na área, mas o atacante Héverton chegou atrasado.

Nos primeiros minutos o CRB sentiu a pressão e forte marcação da Ponte. O Galo chegou pela primeira vez ao ataque aos 10min, quando Marcinho avançou pela esquerda e tabelou com Anderson, que cruzou e Gleidson não alcançou.

Aos 12min em outro contra-ataque, Anderson pegou na intermediária e carregou até ser derrubado por João Paulo, na entrada da grande área; Marcinho cobrou na barreira.

O CRB melhorou e, aos 17min, Luciano Amaral avançou pela esquerda e cruzou, mas o zagueiro Anderson se antecipou a Marcinho e mandou para escanteio.

Aos 24min, Marcinho cobrou escanteio e Edson cabeceou sobre o travessão. Foi o primeiro grande lance do Galo trabalhado por bola parada, como foi intensificado durante os treinos.

Mesmo jogada fora de casa a Ponte Preta se mostrava mais ofensiva, abrindo espaços para os contra-ataques do Galo. Aos 25min, Luis Gustavo tabelou com César, que ficou de gente para o goleiro Denis, mas o árbitro assinalou impedimento.

O CRB abriu o placar após o quinto contra-ataque. Aos 28min, Marcinho começou jogada no campo de defesa e lançou para Wanderson, que dominou e chutou forte; Denis rebateu e apenas escorou para fazer CRB 1 x 0.

Após o gol os dois times recuaram e foi do CRB, aos 45min, o melhor lance. Marcinho armou o contra-ataque e lançou para Luciano Amaral, que avançou e chutou à direita de Denis

No segundo tempo a Ponte começou na ofensiva e, logo no primeiro minuto, Beto levantou na área e Roger chutou sobre o gol de Veloso.

O CRB continuou recuado e, aos 11min, Alê lançou Beto, que chutou à diretia de Veloso, mas o árbitro já havia assinalado impedimento.

Na pressão a Ponte chegou com perigo aos 15min; Rodrigo Santos saiu errado e Roger chutou forte, mas a bola desviou em Edson e foi para escanteio.

O CRB só chegou ao ataque aos 18min, quando César arrancou no contra-ataque e tocou para Rodrigo Santos, que dominou e Chutou forte, à direita de Denis.

Com a Ponte buscando o gol de empate os contra-ataques continuavam sendo a grande arma do Galo, que chegou com perigo aos 20min, quando Rodrigo Santos lançou Marcinho, que não alcançou.

O último grande lance foi do Galo. Aos 36min, Rodrigo Santos cobrou falta e Edson cabeceou à direta do gol de Denis.

O CRB volta a campo no sábado, dia 9, às 16h, no Estádio Rei Pelé, diante do Ipatinga. Já a Ponte, joga na próxima terça-feira, dia 5, às 20h30, no Moisés Lucarelli, em Campinas, contra o Barueri (SP).

CRB

Veloso; Marcelinho, Maílson, Edson e Luciano Amaral; Luis Gustavo, Gleidson, Ataliba (Rodrigo Santos) e Wanderson; César (Reinaldo) e Marcinho (Marcio)

Técnico: Alexandre Barroso

Ponte Preta

Denis; Anderson, João Paulo (Alê), Emerson e Júlio César; Pingo, João Marcos, Héverton (Michel), Alex Silva e Roger; Beto (Rafael)

Técnico: Nelsinho Batista

Jogo: CRB 1 x 0 Ponte Preta

Início: 20h30

Local: Estádio Rei Pelé - Maceió

Árbitro: Mário Sérgio da Silva Bancilon (SE)

Assistentes: Ivoney Alves e Cleriston Barreto (SE)

4º árbitro: Fernando Rogério (AL)

Cartões amarelos: Wanderson, Gleidson e Edson (CRB); João Paulo, João Marcos, Roger e Alex Silva (Ponte)

Cartões vermelhos:

Renda: R$ 51.637

Público pagante: 7.972

Público não pagante: 1.195

Público total: 9.17

Fonte - www.alagoas24horas.com.br



Enquete
Você concorda com a mudança da feira livre de União dos Palmares para a margem da BR-104?
Total de votos: 343
Google News