25/10/2020 21:36:49

01/05/2012 21:33:22

Em Arapiraca, ASA derrota CSA por 2 x 0


Em Arapiraca, ASA derrota CSA por 2 x 0
Lance do jogo

O ASA abriu uma boa vantagem no confronto com o CSA pelo título do Returno do Campeonato Alagoano. Em Arapiraca, o Alvinegro venceu o adversário nesta terça-feira (01) por 2 x 0, gols do artilheiro Lúcio Maranhão, e joga pelo empate na partida do próximo sábado (05), no Estádio Rei Pelé.

 

Se o CSA vencer por qualquer placar no tempo normal, o jogo ainda vai para a prorrogação, já que a contagem de gols não vale como critério de desempate. 
 

Problemas

Lesionados, o volante Jucemar Gaúcho e o atacante Júnior Coxinha foram vetados para a partida e foram substituídos, respectivamente, por Duda e Claudinho. Depois de o técnico do CSA, Lorival Santos, dizer que o atacante Rony não seria titular na partida, ele escalou o jogador entre os titulares.O treinador do Azulão tentou confundir o trabalho da imprensa e do técnico do Alvinegro, Heriberto da Cunha.


No ASA, a única baixa foi o zagueiro Fabiano, suspenso; André Nunes foi confirmado entre os titulares e formou a defesa com Gaúcho e Audálio. O meia Didira voltou ao time após cumprir suspensão.  
 

Primeiro tempo

O clássico começou equilibrado, com os times tendo dificuldades para chegar ao ataque.
O ASA foi aumentando o volume com o passar do tempo e, na primeira estocada, abriu o placar.

Aos 18 minutos, Douglas Silva bobeou feio e a bola sobrou para Audálio. O zagueiro acionou o artilheiro Lúcio Maranhão, que deu um toque por cima de Flávio e marcou seu vigésimo gol no Estadual.

 

Após o gol, o Alvinegro continuou mandando na partida. O time de Heriberto da Cunha estava mais bem postado em campo e trocava passes com desenvoltura. O CSA não conseguia organizar suas jogadas ofensivas, sendo facilmente contido pelos marcadores adversários.

 

O primeiro chute a gol do CSA foi registrado apenas aos 34 minutos. Pressionado pela defesa, Duda experimentou de fora da área, mas a bola passou longe da trave defendida por Jônatas.

No intervalo, o meia Claudinho disse que o time do CSA sofreu o gol por uma falha. "Houve equilíbrio, mas surgiu uma chance por um erro nosso e eles abriram o placar. Mas vamos tentar recuperar terreno na segunda etapa", declarou.

 

O atacante Lúcio Maranhão comemorou mais um gol no Estadual. "Estou muito feliz, principalmente porque estamos vencendo o jogo. A artilharia também é importante e marquei meu vigésimo gol no campeonatol. Quero manter o ritmo", comentou o goleador.

 

Tentando aumentar o poder ofensivo do Azulão, Lorival Santos trocou o volante Douglas Silva pelo atacante Reinaldo Gaúcho. Assim, Washington voltou ao meio-campo para criar as jogadas.
 

Etapa final

O CSA adiantou mais suas linhas no segundo tempo e assustou Jônatas aos 9 minutos. Em sua posição de origem, o meia Washington arriscou de longe e quase o goleiro do ASA aceitou. Um minuto depois, o meia chutou outra vez de fora da área e Jônatas encaixou.

 

Aos 30 minutos, o Alvinegro chegou com perigo pela primeira vez na etapa final. Marcinho cruzou da esquerda, Cléberson tentou afastar de cabeça e acertou sua trave. Atento, Flávio fez uma bela defesa.

 

O Alvinegro voltou a ameaçar aos 34´. Didira achou Gabriel livre na área. Ele bateu cruzado, mas parou na defesa de Flávio. Aos 38 minutos, a casa do CSA caiu de vez. Lúcio Maranhão entrou na área marcado apenas por Cléberson, tentou o drible e foi derrubado pelo zagueiro: pênalti. Um minuto depois, o goleador foi para a cobrança, deslocou Flávio e marcou seu 21º gol no Estadual.
 

Ficha técnica

 

ASA 2 x 0 CSA

 

Quando: nesta terça (01)
Onde: Estádio Coaracy da Mata Fonseca, em Arapiraca
Hora: às 16h
Árbitro: George Alves Feitoza

Assistentes: Fernando Maciel e Benilson Santos.

Cartões amarelos: Washington e Cléberson (CSA); Lúcio Maranhão (ASA)

Gols: Lúcio Maranhão, 2 vezes (ASA)

ASA - Jonatas; Gaúcho, Audálio e André Nunes; Gabriel, Cal, Jorginho (Thiago Gaúcho), Valdivia (Henry), Didira e Augusto (Marcinho); Lúcio Maranhão. Técnico: Heriberto da Cunha.

CSA – Flávio; Jucemar Catarinense, Cléberson, Leandro e Rafael; Duda, Douglas Silva (Reinaldo Gaúcho), Kel (Willian César) e Claudinho; Washington e Rony (Wagner). Técnico: Lorival Santos.
 

mais.al //

victor melo



Enquete
Você é favorável a privatização do SAAE de União dos Palmares?
Total de votos: 87
Google News