14/11/2019 04:01:46

16/10/2007 00:00:00

Alagoas


Alagoas

Depois de percorrer as ruas do Centro, cerca de 30 servidores ligados às diversas categorias em greve ocuparam agora há pouco o 10º andar do prédio da Secretaria da Fazenda, na Rua General Hermes. Os servidores exigem a reabertura das negociações junto ao governo do Estado.

Durante a invasão, houve troca de insultos e empurrões, mas nem mesmo a presença de integrantes do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) conseguiu impedir o acesso de alguns manifestantes ao prédio da secretaria.

Neste momento, os servidores que permanecem na porta do prédio realizam o ‘enterro’ simbólico do governador Teotonio Vilela Filho (PSDB). Centenas de grevistas, além de integrantes da Polícia Militar permanecem no local, aguardando um desfecho para o impasse.

Apesar do confronto durante a invasão, o clima voltou à normalidade depois que alguns servidores garantiram o acesso ao prédio. Segundo um dos integrantes da ocupação, os funcionários da Sefaz foram orientados a recolher os documentos e deixar o prédio, procedimento adotado pela secretária Fernanda Vilela, que estava em seu gabinete no momento da invasão.

Integrantes do Centro de Gerenciamento de Crises da Polícia Militar tentam negociar a saída dos servidores grevistas, que afirmam que só deixarão o prédio com uma proposta concreta do governador Teotonio Vilela Filho.

Esta é a segunda vez que servidores em greve invadem o prédio da Secretaria da Fazenda. Em janeiro deste ano, professores, policiais civis e movimentos sociais ocuparam o prédio por alguns dias, até que o governo reabrisse o canal de negociações.

com alagoas24horas

Galeria




Enquete
Se a Eleição Municipal fosse hoje qual seria seu candidato preferido?
Total de votos: 2627
Google News