08/08/2020 23:03:01

Municípios
18/03/2011 08:52:30

Moradores de Porto Calvo culpam prefeitura pelos casos de dengue


Moradores de Porto Calvo culpam prefeitura pelos casos de dengue
Piscina abandonada em Porto Calvo

Com cadaminuto //

 

Os moradores do bairro Varadouro em Porto Calvo denunciaram a prefeitura pelo abandono em que se encontra a sede da Associação Atlética Banco do Brasil (AABB).

 

As piscinas se transformaram em um grande criatório de mosquitos da dengue além de servir de lugar para consumo de drogas e prostituição.

 

Os moradores alegam que nenhum agente de saúde compareceu ao local. O bairro possui 4 mil habitantes e duas escolas. Os moradores disseram ainda que já pediram providencias a prefeitura, mas até agora nada foi feito. Os casos de dengue têm aumentado a cada dia.

 

A situação se agravou porque o bairro não possui sistema de esgoto e devido a interrupção de uma galeria, toda água suja está se acumulando em um terreno nos fundos da escola estadual Nossa Senhora da Apresentação.

 

“Toda água podre é jogada diretamente no rio Manguaba. Os esgotos de todas as casas do Varadouro vão diretamente para o rio”, disse uma moradora.

 

Os moradores relataram ainda que uma das vítimas da dengue foi o próprio irmão do prefeito, que segundo eles, quase foi a óbito depois de contrair dengue hemorrágica. Segundo os moradores o irmão do prefeito só se salvou porque teve toda assistência médica da prefeitura.

 

Segundo ela a única ação que o prefeito Carlos Eurico Leão, vulgo Kaika, fez até agora pelo bairro foi mandar fincar uma cruz de madeira na miserável e abandonada praça do Varadouro.

“ Eu acho que ele quis decretar com isso a morte de nosso bairro, que vive o abandono desde que ele se apossou da prefeitura”, desabafou um morador identificado como José Amaro Santos.



Enquete
Qual o candidato de sua preferência para a Prefeitura de União dos Palmares?
Total de votos: 5064
Google News