14/11/2019 04:20:40

21/09/2007 00:00:00

Alagoas


Alagoas

Os funcionários da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT) decidiram pela manutenção da greve em assembléias realizadas pelos sindicatos em todo o país. A decisão foi tomada após reunião de conciliação do Comando Nacional de Negociação no Tribunal Superior do Trabalho em Brasília onde mais uma vez a categoria rejeitou a proposta já apresentada.

Para os trabalhadores a proposta de 3,7% de reajuste salarial, R$ 500 de abono, R$ 600 reais de aumento real a partir de janeiro de 2008, além da não reposição das horas paradas não contempla as reivindicações da categoria.

De acordo com o presidente do Sindicato em Alagoas, José Balbino, a reivindicação inicial dos funcionários era reposição salarial de 47,77%, relativa a perdas desde 1994, aumento real de R$ 200, adicional de periculosidade e melhores condições de trabalho e de segurança nas agências.

Balbino afirma que o sindicato em Alagoas deverá acompanhar o indicativo do Comando Nacional. “Se a maioria resolveu pela manutenção, então marcharemos juntos”, disse afirmando que amanhã será mais um dia de expectativa, já que haverá nova audiência de conciliação no TST.

Cinco sindicatos dos 33 que formam a entidade aderiram à proposta do Comando Nacional de Negociação. São eles: o do Rio de Janeiro, Santos, Santa Maria (no Rio Grande do Sul), Rio Grande do Norte e o do Pará.



Enquete
Se a Eleição Municipal fosse hoje qual seria seu candidato preferido?
Total de votos: 2627
Google News